Fake de Alessandra Ambrosio também se relacionava com outro homem

Valeria Satta, italiana de 50 anos que fingia ser a modelo brasileira Alessandra Ambrosio, mantinha um relacionamento com outro homem

atualizado 08/12/2021 14:57

Daniele Venturelli/WireImage e Getty Images

Valeria Satta, italiana de 50 anos que fingia ser a modelo brasileira Alessandra Ambrosio, mantinha um relacionamento com outro homem além do jogador de vôlei italiano Roberto Cazzaniga.

0

O jornal Corriere Della Sera revelou nessa terça-feira (7/12) que o outro amante, identificado como Massimo, reconheceu a voz de Valeria em uma reportagem e disse que era a mesma voz da mulher com quem ele tinha um relacionamento à distância. No entanto, ele, diferente do que ocorreu com o atleta, não teve prejuízos milionários e ainda saiu no “lucro”.

Amigos de Cazzaniga criaram uma vaquinha para ajudar o jogador

Segundo o veículo, Massimo ganhou presentes da estelionatária no último ano, dinheiro, crédito em conta, viagens e até uma oferta de carro, que valia 100 mil euros.

Lembre o caso

Roberto Cazzaniga revelou ter caído em um golpe depois de namorar durante 15 anos uma mulher que se passava pela modelo brasileira Alessandra Ambrosio. Cazzaniga foi vítima de uma estelionatária que ainda causou um prejuízo de cerca de 700 mil euros (cerca de R$ 4,3 milhões) ao atleta.

A criminosa utilizava fotos da modelo brasileira em seu perfil e se comunicava com o jogador somente pelo telefone, o que foi suficiente para que o relacionamento entre o atleta e a golpista tivesse continuidade.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias