Rafaela Silva dá adeus ao ouro no Grand Slam de Judô

Principal nome do Brasil no primeiro dia de disputas, atual campeã olímpica e mundial é superada por Ketelyn Nascimento na semifinal

Abelardo Mendes Jr/rededoesporte.gov.brAbelardo Mendes Jr/rededoesporte.gov.br

atualizado 06/10/2019 15:11

Atual campeã olímpica e mundial, a brasileira Rafaela Silva não disputará a medalha de ouro do Grand Slam de judô, disputado em Brasília. A carioca começou bem a participação na competição, que distribui até mil pontos no ranking mundial. Ela, que compete na categoria até 57kg, venceu seus dois primeiros confrontos, mas foi superada pela compatriota Ketelyn Nascimento na semifinal e, agora, disputará a medalha de bronze.

É a segunda passagem de Rafaela Silva por Brasília em cerca de duas semanas. Na última vez em que esteve na capital federal, a judoca ajudou o seu clube, o Instituto Reação, a ficar com o segundo lugar no Grand Prix Nacional da modalidade. Na ocasião, a equipe carioca foi superada na final pelo Pinheiros (SP).

As disputas seguem a todo vapor no Grand Slam, no Centro de Convenções Internacional do Brasil (CICB), localizado no Setor de Clubes Sul. Neste domingo (06/10/2019), serão conhecidos os primeiros campeões da etapa de Brasília da competição. As finais começam a ser disputadas às 16h. A entrada é franca.

Últimas notícias