Marcelo Moreno critica Conmebol por casos de Covid-19 na Copa América

Atacante utilizou as redes sociais para questionar a entidade organizadora do campeonato: "vida do jogador não vale nada?"

atualizado 15/06/2021 19:28

Marcelo MorenoPhoto by Alberto Valdes - Pool/Getty Images

O atacante Marcelo Moreno, da Bolívia, utilizou as redes sociais para criticar a Conmebol por conta da grande quantidade de casos de Covid-19 entre as pessoas que participam da Copa América. Em sua conta no Instagram, o jogador foi firme em questionar a federação. “A vida do jogador não vale nada?”, perguntou.

Segundo informações do Ministério da Saúde divulgadas nesta terça-feira (15/6), 52 pessoas ligadas ao torneio testaram positivo para a doença. Ao todo, 33 jogadores e membros de comissão técnica e 19 profissionais prestadores de serviços fazem parte da estatística,

Moreno, inclusive, pode ser um dos três infectados identificados na delegação boliviana. Ele não jogou na partida da estreia entre Bolívia e Paraguai, que se enfrentaram nesta segunda (15/6) em Goiânia. Os paraguaios venceram por 3 x 1.

O caso mais emblemático até agora é da seleção da Venezuela, que detectou 13 casos positivos. Os venezuelanos tiveram que convocar 15 jogadores de última hora para conseguirem fazer a estreia contra o Brasil. Esse caso fez com que a Conmebol extinguisse o limite máximo de mudanças na convocação.

A Bolívia, de Marcelo Moreno, volta à campo na próxima sexta-feira (18/6), às 18h para enfrentar o Chile.

Vídeos
Últimas notícias