Uefa confirma e jogo entre PSG e Basaksehir é adiado após ato de racismo

Os jogadores de ambos os times decidiram abandonar o gramado do Parque dos Príncipes e a entidade informa que jogo será disputado na quarta

atualizado 08/12/2020 19:34

Acusação de racismo em PSG x Istanbul BasaksehirXavier Laine/Getty Images

A partida entre PSG x Basaksehir não terminará nesta terça-feira (8/12). A Uefa confirmou que o duelo está adiado depois de os jogadores de ambas as equipes abandonarem o campo de jogo após acusação de racismo. O duelo será nesta quarta-feira (8/12), às 14h55 (horário de Brasília).

O comunicado oficial da Uefa ocorreu mais de uma hora depois de os jogadores deixarem o gramado. Na nota, a entidade também informa que a partida será reiniciada a partir dos 14 minutos do primeiro tempo, momento em que foi paralisada. A Uefa também afirma que “uma investigação completa sobre o incidente ocorrido será aberta imediatamente.”

Aos 14 minutos, o reserva do time turco, Demba Ba, reclamou e acusou o 4º árbitro romeno, Sebastian Colţescu, de ter proferido palavras de cunho racista contra o membro da comissão e ex-jogador Pierre Webo.

Após muita discussão, os jogadores de PSG e do Istanbul Basaksehir decidiram, em conjunto, deixar o campo como protesto. Mais tarde, o clube turco se pronunciou de forma oficial. “No jogo contra o Paris Saint Germain, os nossos jogadores de futebol decidiram não entrar em campo devido ao racismo do 4º árbitro Sebastian Coltescu contra o nosso assistente técnico Pierre Webo”, diz a nota, publicada no Twitter.

Vídeos
Últimas notícias