Técnico chora ao cumprir promessa para filho que morreu

Antonio Mohamed chorou ao conquistar título mexicano com o Monterrey, clube do coração do filho Farid

atualizado 30/12/2019 19:02

Hector Vivas/Getty Images

Uma imagem emocionante marcou o título do torneio Apertura 2019, vencido pelo Monterrey. Enquanto seu time comemorava a vitória, o técnico Antonio Mohamed foi filmado chorando no banco de reservas.

Segundo a imprensa mexicana, o motivo teria sido uma promessa que El Turco Mohamed teria feito ao filho Farid, que morreu em 2006, aos nove anos, em um acidente de trânsito.

Em 2006, quando estava com a família na Alemanha para acompanhar a Copa do Mundo, o motorhome do grupo foi atingido por outro veículo quando estava a caminho do aeroporto de Frankfurt. Farid foi hospitalizado em estado grave, mas não resistiu e morreu.

O Monterrey era o clube do coração de Farid. O título foi conquistado após uma vitória nos pênaltis por 4 x 2 sobre o America. “Dedico à minha mãe, meu pai e a meu filho. Eles devem estar fazendo uma festa lá em cima”, declarou ao jornal Record.

No Mundial de Clubes da Fifa, Mohamed já havia comandado o Monterrey ao terceiro lugar da competição.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias