Seleção Feminina reage e garante empate no amistoso com a Austrália

Com gols de Erika e Debinha, o time comandado pela técnica sueca Pia Sundhage se recuperou e evitou nova derrota

atualizado 26/10/2021 8:53

Seleção Feminina empata com a AustráliaThais Magalhães/CBF

A seleção brasileira feminina mostrou um enorme poder de superação no segundo tempo e arrancou um empate por 2 x 2 com a Austrália, nesta terça-feira (26/10), no CommBank Stadium, em Sydney, no segundo e último amistoso entre os países na Data Fifa de outubro.

Com gols de Erika e Debinha, o time comandado pela técnica sueca Pia Sundhage se recuperou de um placar adverso de 2 x 0 e evitou uma nova derrota para as donas da casa, que no último sábado (23/10)  haviam vencido por 3 x 1.

No comando da seleção feminina desde 2019, Pia Sundhage só perdeu três vezes. A primeira derrota foi para a França por 1 x 0, em amistoso, em 2020. O segundo revés foi para os Estados Unidos por 2 x 0, pela SheBelieves Cup, em solo americano, em 2021. E a última foi para a Austrália há três dias.

Em campo, o Brasil começou a partida de forma apática, como aconteceu no primeiro amistoso, e a Austrália mostrou um ritmo muito intenso. Aos 6 minutos, Foord recebeu cruzamento na pequena área, mas desperdiçou grande oportunidade ao mandar por cima do gol. No ataque seguinte, ela foi acionada pelo lado esquerdo e bateu de primeira, mas parou na goleira Letícia, que mandou para escanteio.

A pressão australiana deu certo aos 10 minutos. Após uma cobrança de escanteio, a bola foi disputada na área e sobrou para Polkinghorne, que pegou de primeira e abriu o placar – assim como no primeiro amistoso. A seleção brasileira buscou mais o ataque com a desvantagem, pressionando bastante as donas da casa, mas não conseguia finalizar.

Na volta do intervalo, a desatenção custou caro ao Brasil. Aos quatro minutos, Fowler acertou uma bola na trave, quase ampliando o placar. Três minutos depois, Carpenter colocou na frente para Sam Kerr. Ela recebeu, tirou da marcação e chutou bem, marcando o segundo gol da Austrália.

Apesar do início ruim na segunda etapa, o time brasileiro retomou a postura do primeiro tempo após levar o 2 x 0. Voltou a pressionar e o primeiro gol saiu aos 19 minutos. Após cobrança de escanteio de Marta, Tamires cabeceou para o fundo das redes. Depois, aos 25, Júlia avançou pela lateral, passando para Tamires. A lateral chutou no travessão e Debinha pegou a sobra, empatando para o Brasil.

Com os dois amistosos contra a Austrália, a seleção feminina já fez quatro depois dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Em setembro, o Brasil derrotou duas vezes a Argentina em jogos disputados na Paraíba. A preparação do time de Pia Sundhage é para a Copa América de 2022, que valerá vagas para o Mundial de 2023, que será disputado na Austrália e Nova Zelândia.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias