Perícia encontra novas provas que desmentem versões de Daniel Alves

Desta vez, a perícia encontrou novas provas que incriminam ainda mais o brasileiro, que segue preso em Barcelona

atualizado 25/01/2023 11:19

Zhizhao Wu/Getty Images

O caso de Daniel Alves vem ganhando novos desdobramentos. Desta vez, a perícia encontrou provas que incriminam o brasileiro, que segue preso, e dão mais veracidade à versão da vítima.

Informações divulgadas pelo jornal espanhol El Periódico relatam que, depois de a jovem ser encaminhada a um hospital e examinada por um médico-legista, foram detectadas lesões compatíveis com luta e vestígios de líquido seminal.

Ainda de acordo com o veículo, a perícia encontrou impressões digitais de Daniel Alves, o que confirma os depoimentos da vítima e desmente os relatos do jogador.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

O El Periódico ainda revelou que surgiram novas imagens da mulher que acusa Daniel Alves de agressão sexual. A filmagem foi feita por um policial que trabalhava na boate. Com uma câmera no peito, ele acabou por gravar acidentalmente as primeiras palavras da vítima após o ocorrido.

Nas imagens, é possível ver a denunciante nervosa e chorando.

Entenda o caso

Daniel Alves foi preso preventivamente na Espanha, sem direito à fiança, na sexta-feira (20/1), acusado de estuprar e agredir uma mulher de 23 anos em uma balada em Barcelona, no dia 30 de dezembro.

Segundo relatos da imprensa espanhola, as câmeras internas da boate mostram Daniel e amigos no local e o momento em que o atleta entra no banheiro com a denunciante.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias