Palmeiras no mercado: veja estilo de técnicos pretendidos pelo clube

Alviverde definiu modelo de jogo que pretende adotar e nomes já são cogitados para assumir a equipe na vaga de Vanderlei Luxemburgo

atualizado 15/10/2020 22:01

Miguel Angel RamirezGetty Images / Agencia Press South / Colaborador

O Palmeiras já definiu o estilo do futuro treinador do clube: alguém que goste e pratique um futebol moderno. Assim, nomes brasileiros e estrangeiros já são ventilados no clube. Confira quem está bem e quem corre por fora na corrida pela vaga deixada por Vanderlei Luxemburgo.

Miguel Ángel Ramírez

O espanhol é treinador do Independiente Del Valle (EQU) e é um dos nomes bem cotados para o lugar de Luxa. O técnico tem o estilo pretendido por Maurício Galiotte e leva vantagem por já ter sido analisado antes da chegada de Mano Menezes em 2019.

Ramírez ganhou relevância no Brasil após a goleada por 5 x 0 do Del Valle sobre o Flamengo, na Libertadores. O treinador tem experiência em categorias de base, fator importante no Palmeiras de 2020, que conta com vários jogadores jovens recém-promovidos no elenco.

Gabriel Heinze

Ao lado de Ramírez, o argentino de 42 anos é um dos mais pedidos pela torcida nas redes sociais. O ex-defensor da Seleção Argentina está livre no mercado após três anos no Velez Sarsfield e é apontado como um dos mais promissores da atual geração de treinadores argentinos. Os torcedores chegaram a subir a hashtag #HeinzeNoPalmeiras nas últimas semanas.

Heinze não tem a licença da UEFA e ainda não pode trabalhar na Europa, o que pode facilitar o acerto com o Verdão. O argentino tem um estilo de jogo ofensivo e de sufocar o adversário. O ex-lateral também é linha dura. No Velez, o treinador também ficou conhecido por proibir celulares e videogames durante as concentrações.

Arce

O ex-lateral do Palmeiras é um dos nomes estrangeiros que corre por fora. O paraguaio comanda o Cerro Porteño (PAR) e tem contrato até o fim do ano que vem. Mas já demonstrou vontade de trabalhar no futebol brasileiro.

Arce já manifestou interesse em retornar ao Brasil, agora como treinador, e daria preferência para os dois clubes onde foi ídolo: Grêmio e Palmeiras.

Tiago Nunes

Entre os nomes brasileiros, o de Tiago Nunes é um dos favoritos da torcida e tem o estilo recomendado pelo presidente do Palmeiras. Nunes, que já teve passagem pelo futebol do DF, ganhou destaque no cenário nacional após excelente passagem pelo Athletico-PR, onde conquistou títulos como Copa do Brasil em 2019 e a Sul-Americana em 2018.

O jovem treinador foi contratado pelo Corinthians no início deste ano para mudar o estilo de jogo do time. Mas após ser eliminado na Libertadores e perder o título paulista para o arquirrival Palmeiras, Nunes acabou demitido. O técnico também foi muito criticado por não conseguir mudar a forma do Timão atuar.

Outros nomes foram ventilados, como o de Marcelo Gallardo, treinador do River Plate (ARG). Mas a negociação seria complicada, já que o argentino está bem no vice-campeão da Libertadores e não pretende deixar a equipe. No Brasil, nomes como Abel Braga e Dorival Junior também foram especulados.

O Palmeiras volta a jogar neste domingo (18/10). Com técnico interino, o alviverde vai a Fortaleza encarar o time de Rogério Ceni, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O alviverde é o sétimo colocado da competição, com 22 pontos.

Vídeos
Últimas notícias