Na estreia de Mano Menezes, Palmeiras vence Goiás aos 54 minutos

Rafael Vaz marcou um golaço, de longe, para o time da casa; William empatou e Scarpa deu a vitória para o Verdão

HEBER GOMES/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDOHEBER GOMES/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

atualizado 07/09/2019 23:07

Técnico novo, vida nova? Na estreia de Mano Menezes, o alviverde paulista voltou a vencer no Brasileiro, na noite deste sábado (07/09/2019), no Serra Dourada, após sete partidas. Os gols foram marcados por Rafael Vaz, uma bomba de longe, William e Gustavo Scarpa, aos 54 minutos do segundo tempo.

A vitória leva o Palmeiras para a 3ª posição, com 33 pontos. E o Goiás, com 21, cai para a 4ª.

Na 19ª rodada, o Palmeiras recebe o Cruzeiro, no sábado, às 19h. O Goiás viaja a Porto Alegre, no domingo, às 16h, para enfrentar o Grêmio.

O jogo
O Palmeiras começou imprimindo um ritmo forte à partida, pressionando o Goiás no campo de ataque, no entanto, o Esmeraldino soube reagir nos contra-ataques.

Aos 19 minutos, o time da casa chegou ao primeiro gol. Rafael Vaz recebeu de Léo Santana na intermediária e acertou uma bomba de muito longe, sem chances para o goleiro Jailson.

A partir do gol, o Goiás conseguiu equilibrar de vez a partida e o Palmeiras demonstrou que sentiu o golpe, passando a errar passes e sendo lento na transição.

Aos poucos, o Palmeiras voltou a ter controle das ações e até chegou ao gol, com Luiz Adriano. O lance, no entanto, foi anulado, pois o juíz viu falta do atacante.

2º tempo
A etapa complementar começou com um susto: aos 7 minutos, Zé Rafael disputou bola com Tadeu. Ambos se chocaram e ficaram desacordados no gramado por longos minutos. O meia conseguiu se levantar, com alguma dificuldade, ajudado pelos companheiros e membros da comissão técnica. Já Tadeu precisou ter o pescoço imobilizado e sair de ambulância.

Na bola, o Palmeiras pressionou o Goiás e até levou situações de perigos à meta do goleiro Marcos, substituto de Tadeu. As tentativas palmeirenses, no entanto, esbarraram na defesa do Goiás que, no contra-ataque, tentou levar algum perigo para Jaílson, também sem sucesso.

Aos 35 minutos, o Palmeiras finalmente chegou à igualdade. Após ótimo passe de Scarpa, William, cara a cara com o goleiro, não perdoou e empatou o duelo.

Já nos acréscimos, Lucas Lima foi expulso após um carrinho violento em Michael.

Quando o jogo parecia que ia acabar em empate, Gustavo Scarpa deu a vitória ao Palmeiras aos 54 minutos do 2º tempo após a bola ficar pipocando na área.

Últimas notícias