Mãe de Pep Guardiola morre em decorrência do coronavírus

A morte de Dolors Sala Carrió, 82 anos, foi confirmada pelo clube do treinador, Manchester City, na manhã desta segunda-feira (06/04)

atualizado 06/04/2020 12:07

O Manchester City oficializou nesta segunda-feira (06/04) a morte de Dolors Sala Carrió, mãe do técnico Pep Guardiola. Aos 82 anos, ela estava com coronavírus e morreu em decorrência da doença.

A mãe do treinador estava em Manresa, em Barcelona.

“A família Manchester City está arrasada ao relatar a morte de Dolors Sala Carrió, mãe de Pep, em Manresa, Barcelona, ​​depois de contrair o vírus Corona. Ela tinha 82 anos. Todo mundo associado ao clube envia sua mais sincera simpatia neste momento mais angustiante para Pep, sua família e todos os seus amigos”, lamentou o Manchester City.

Dolors era uma ex-vendedora que ainda era casada com o pai de Pep, Valenti. Eles tiveram quatro filhos, sendo que Pep é o terceiro deles.

Guardiola engajado na causa

Há duas semanas, Guardiola doou um milhão de euros (cerca de 5,6 milhões) para a Fundação Àngel Soler Daniel, em Barcelona.

A quantia foi destinada para a compra e produção de materiais e equipamentos de saúde. Além disso, também servirá para financiar a produção alternativa de respiradore.

Guardiola também se envolveu em projetos de pesquisa para obter medicamentos que impedem a transmissão da covid-19. Entre eles, uma vacina, na qual estão trabalhando o médico Bonaventura Clotet e o pesquisador Oriol Mitjà.

(Com informações da Agência Estado)

Vídeos
Últimas notícias