Jogador de clube francês é preso acusado de prostituição de menores

A polícia chegou a Sidy Sarr, atleta do Nimes, após ele denunciar o roubo de seu carro

atualizado 20/10/2021 12:12

Tim Clayton/Corbis via Getty Images

Na madrugada da última segunda-feira (18/10), o senegalês Sidy Sarr, do Nimes, que disputa a segunda divisão francesa, foi preso após suspeitas de que ele mantinha relações sexuais com prostitutas menores de idade. A informação foi dada pela rádio francesa RMC Sports e confirmada pelo L’equipe.

Segundo a polícia francesa, o jogador se autoincriminou após denunciar o roubo de seu carro, um Audi Q3, que teria sido levado por duas meninas de 17 anos. Os agentes encontraram o veículo e interrogaram as jovens. Elas não só confessaram o crime, como afirmaram que haviam participado de uma “festinha” com Sarr.

Diante da situação, os policiais prenderam o futebolista, que foi levado sob custódia policial por alegações de que ele mantinha relações com prostitutas menores de idade. O atleta admitiu que a acusação era verdadeira, mas que tudo acontecia de maneira consensual e que ele pagava por isso.

Até o momento, o Nimes não se manifestou publicamente sobre o caso, assim como o Ministério Público da cidade francesa. Detido, Sarr não participou da derrota por 2 x 0 frente ao Ajaccio, válido pela 12ª rodada da segunda rodada do Campeonato Francês.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesesportes

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias