Grêmio vence Atlético-GO e chega a 12 jogos de invencibilidade

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 45 pontos e assumiu a quinta posição

atualizado 27/12/2020 22:51

MAX PEIXOTO/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO

Focado no duelo com o São Paulo pela semifinal da Copa do Brasil, o Grêmio enfrentou o Atlético-GO neste domingo à noite e, mesmo com o time considerado reserva, venceu por 2 x 1, na Arena, em Porto Alegre (RS), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foram muitas as novidades na escalação, sobretudo a entrada de Alisson entre os titulares – ele poderá ser opção para o segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil, no Morumbi, em São Paulo. O time gaúcho jogará por um empate para ser finalista da competição porque venceu em casa por 1 x 0.

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 45 pontos e assumiu a quinta posição. São 12 jogos de invencibilidade no campeonato, ficando a apenas dois pontos do arquirrival Internacional, quarto colocado, com 47. Já o Atlético-GO segue no meio da tabela, agora em 12º lugar, com 34 pontos.

Com bola rolando, o Grêmio sofreu com a falta de entrosamento e levou alguns sustos do Atlético-GO no primeiro tempo. Contudo, o time goiano não aproveitou as oportunidades e antes do intervalo viu os gaúchos abrirem o placar.

Aos 43, Vanderson cruzou na área em direção a Churín e Ferreirinha. Os dois foram na bola, mas o lateral-direito Dudu acabou desviando e mandou contra o próprio patrimônio: 1 a 0, Grêmio.

Ao contrário do que aconteceu na etapa inicial, o Atlético-GO retornou para o segundo tempo com a pontaria ajustada e empatou logo aos 11 minutos, quando Wellington Rato fez jogada individual e cruzou para Gustavo Ferrareis, de cabeça, cabecear sem chances de defesa ao goleiro Vanderlei.

Não demorou muito e o Grêmio voltou a ficar na frente do placar com gol de Churín. Aos 16 minutos, o atacante recebeu ótimo passe de Pinares e finalizou na saída do goleiro Jean. O lance foi checado pelo VAR e validado aos 19 minutos.

Novamente com a vantagem, Renato Gaúcho optou por colocar em campo alguns titulares, como Matheus Henrique e Pepê, colaborando para que o time conseguisse segurar o resultado positivo em casa.

O Grêmio voltará a campo pelo Brasileirão somente no dia 6 de janeiro, de novo em CSA, diante do Bahia. Já o Atlético-GO só jogará no dia 7, quando receberá o Vasco, às 21 horas, em Goiânia.

Ficha técnica:
Grêmio 2 x 1 Atlético-GO
Grêmio: Vanderlei; Vanderson (Thaciano), Paulo Miranda, Ruan e Bruno Cortez; Darlan, Lucas Silva (Matheus Henrique) e Pinares (Everton); Alisson, Ferreira (Pepê) e Churín (Rodrigues). Técnico: Renato Gaúcho.
Atlético-GO: Jean; Dudu (Arnaldo), Éder, Gilvan (Matheus Vargas) e Nicolas; Marlon Freitas, William Maranhão (Pereira), Wellington Rato e Gustavo Ferrareis (Danilo Gomes); Chico e Roberson (Janderson). Técnico: Marcelo Cabo.
Gols: Dudu (contra), aos 43 minutos do primeiro tempo. Gustavo Ferrareis, aos 11, e Churín, aos 16 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Vanderson e Paulo Miranda (Grêmio); Dudu, Éder e Gilvan (Atlético-GO).
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG).
Renda e público: jogo sem torcida.
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Vídeos
Últimas notícias