Fluminense bate o Atlético-GO e larga na frente na Copa do Brasil

Tricolor venceu os goianos por 1 x 0, com gol do zagueiro João Victor. Times voltam a se enfrentar na próxima semana

atualizado 16/09/2020 23:57

Fluminense vence pela Copa do BrasilGILVAN DE SOUZA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Fluminense largou na frente na quarta fase da Copa do Brasil ao vencer o Atlético-GO por 1 x 0, nesta quarta-feira (16/9), pelo jogo de ida. Os dois times mostraram sinais de cansaço devido à maratona de jogos e o único gol foi anotado, contra, pelo zagueiro João Victor.

O time carioca joga pelo empate no jogo de volta na próxima quinta-feira, no Estádio Olímpico, em Goiânia. O Atlético precisa vencer por dois gols de diferença ou ganhar por um gol e levar a definição da vaga para a cobrança dos pênaltis. Quem avançar às oitavas de final garantirá um prêmio de R$ 2,6 milhões.

O primeiro tempo muito ruim tecnicamente, acompanhando as péssimas condições do gramado, com muitos buracos e irregularidades. Precisando aproveitar o fator casa para vencer, o Fluminense ficou na obrigação de ir ao ataque. Mas pecou nos passes e na lentidão para sair da defesa ao ataque.

O Atlético também jogou como permite o regulamento, tentando deixar passar o tempo, bem fechado atrás e na esperança de encaixar um contra-ataque. Mas não criou nenhuma chance. Pelo contrário, ainda viu uma bela cobrança de falta de Nenê, aos 38 minutos, perto da linha da grande área. Ele encobriu a barreira e a bola entraria no ângulo direito não fosse o salto do goleiro Jean que espalmou a escanteio.

O segundo tempo começou com a mesma morosidade. O técnico Odair Hellmann percebeu que alguns jogadores estavam cansados, tanto que logo começou a substituir. Saíram Michel Araujo, Nenê e Wellington Silva para as saídas, respectivamente, de Marcos Paulo, Ganso e Miguel.

O Atlético se manteve dentro de sua estratégia de apenas esperar o adversário na defesa. Levou um susto aos 21 minutos, quando Luiz Henrique disparou sozinho em velocidade e quando iria finalizar acabou interceptado pela saída de área de Jean que chutou a bola para fora.

Só mesmo o acaso poderia alterar a situação de jogo. E foi o que aconteceu aos 31 minutos, quando Egídio cobrou escanteio na pequena área e o zagueiro João Victor, na tentativa de aliviar, cabeceou para trás e surpreendeu Jean. Gol contra e Fluminense na frente.

Vagner Mancini ainda tentou oxigenar o time goiano com várias trocas, mas, naquela altura, os dois times mostravam sinais visíveis de cansaço. Não deu para reagir.

Antes do jogo da volta, o Fluminense retoma o Campeonato Brasileiro. No domingo, enfrenta o Sport, às 20h30, na Ilha do Retiro em Recife (PE). O Atlético-GO vai receber o Atlético Mineiro, no sábado, às 21 horas no Estádio Olímpico.

Vídeos
Últimas notícias