Ex-United defende CR7 e manda recado: “Trabalhem e calem a boca”

Louis Saha deu declaração defendendo Cristiano Ronaldo que enfrenta problemas de relacionamento com o restante do elenco

atualizado 20/01/2022 16:46

Cristiano Ronaldo e SahaStu Forster/Getty Images

Louis Saha, ex-atacante do Manchester United, deu declaração defendendo Cristiano Ronaldo que enfrenta problemas de relacionamento com o restante do elenco do Red Devils nesta segunda passagem pelo clube. De acordo com o francês, os companheiros do português precisam “trabalhar duro e calar a boca”.

Saha jogou ao lado de CR7 por cinco anos e ficou do lado do craque. “Se algum jogador tem o direito de falar o que pensa no vestiário, é Cristiano Ronaldo”, indagou. “Como jogador, se você não aceita críticas, isso não é normal, porque ele só está dizendo isso para ajudar os jogadores a melhorar. Ele quer ganhar troféus enquanto está lá e sabe como fazê-lo, então os jogadores devem ouvi-lo. Se os jogadores não respeitam o que ele está dizendo, isso não é normal.”

“Eles deveriam estar ouvindo. Eles deveriam receber todos os conselhos porque o cara teve sucesso ao longo de sua carreira. Os jogadores precisam se sacrificar para melhorar. Deveriam dizer ‘espere um minuto. Deixe-me tentar isso por seis meses. Vou tentar tanto quanto ele'”, aconselhou o francês.

“Precisam ouvi-lo, precisar ser tão dedicados quanto ele nos treinos, eles precisam se concentrar em melhorar semana após semana. Eles precisam ser humildes, trabalhar duro e calar a boca”, concluiu.

No último jogo do United, nessa quarta-feira (19/1), contra o Brentford, Cristiano foi substituído no segundo tempo sem balançar as redes e saiu de campo reclamando. Apesar disso, seu time venceu por 3 x 1 e aparece em 7º colocado na Premier League, com 35 pontos.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias