Com show do VAR, Cruzeiro e Fluminense ficam no 0 x 0 no Mineirão

O árbitro de vídeo roubou a cena em partida que as equipes não conseguiram furar o bloqueio das defesas

DANIEL OLIVEIRA/ESTADÃO CONTEÚDODANIEL OLIVEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

atualizado 09/10/2019 23:38

Ameaçados de rebaixamento, Cruzeiro e Fluminense mediram forças na noite desta quarta-feira (09/10/2019) em Belo Horizonte. O confronto direto contra o Z4 do Campeonato Brasileiro interferiu diretamente no clima da partida. Já no primeiro tempo, uma chuva de cartões atrapalhou o bom futebol apresentado pelas equipes. Não por acaso, o duelo terminou 0 x 0 com direito a gol anulado dos donos da casa.

O resultado não alterou as posições dos dois na tabela. O Fluminense segue em 15º, mas agora com 26 pontos, enquanto o Cruzeiro permanece na degola, ocupando o 18º lugar, somando 21. O Avaí (19º) joga nesta quinta (10/10/2019) contra o Vasco, mas nem se somar três pontos poderá ultrapassar a Raposa.

O jogo
Já aos 8 minutos, o Cruzeiro teve a chance de sair na frente após saída errada do Fluminense. Sassá passou para Fred, que rolou para Jadson e Gilberto salvou em cima da linha. Na sobra ela ficou com Sassá, que chutou pelo lado de fora da rede. Quase 10 minutos depois, David tentou de esquerda com chute forte, mas Muriel impediu o gol da Raposa.

Aos 21, Nenê cobrou escanteio e João Pedro subiu mais alto que a zaga para fazer o cabeceio. A bola saiu pela linha de fundo, mas passando muito próximo do canto direito de Fábio. Dois minutos após, Edílson arriscou de longe e testou Muriel. Ela tinha endereço e ia morrer no fundo do gol, mas o goleiro tricolor salvou mais uma.

Até a marca dos 46, o jogo seguiu sem grandes emoções até que ocorreu um lance entre Yuri Lima e Jadson, o qual ocasionou a expulsão do jogador do Fluminense por suposto chute na barriga do cruzeirense. Porém, a seguir, o VAR chamou o árbitro para reavaliar o lance e Jean Pierre decidiu por retirar o cartão vermelho de Yuri.

Na sequência, a tecnologia foi acionada novamente para verificar uma possível agressão de Fred em Ganso que teria ocorrido enquanto a confusão estava armada. Depois de ver o vídeo, o juiz amarelou o camisa 9 do Cruzeiro. Quando parecia que a partida voltaria a andar, Jean Pierre apontou para o banco tricolor e levantou o cartão vermelho, expulsando o preparador de goleiro André Carvalho, por reclamação.

2º tempo
No primeiro instante da etapa final, Edílson acreditou de longe, botou força no chute e a bola explodiu no travessão. Aos 4 minutos, o lateral tentou novamente, mas dessa vez em cobrança de falta e ela passou tirando tinta da trave.

Aos 6 minutos, Egídio cruzou bem para Fred dentro da área. O camisa 9 não perdoou e guardou no fundo das redes. Mas o VAR outra vez deu o ar de sua graça e chamou Jean Pierre para mostrar um lance anterior entre Gilberto e Robinho. O árbitro optou por anular o gol e marcar falta do jogador cruzeirense no lateral do Fluminense.

Na marca dos 25, o Cruzeiro pressionou dentro da área e a zaga tricolor se virou do jeito que dava. Conseguiram tirar a bola de qualquer maneira da zona de perigo. Na sequência, no contra-ataque do time das Laranjeiras, Yony abriu espaço pela esquerda e finalizou, mas a bola subiu demais e passou sem perigo pela meta de Fábio.

Classificação

PosTimePÚltimos
jogos
1Flamengo61
D W W W W
2Palmeiras53
D D L W W
3Santos51
W W W D W
4Corinthians44
W D D L D
5São Paulo43
D W D W L
6Internacional42
D D L D W
7Grêmio41
L D W W L
8Bahia41
W L D L W
9Athletico-PR38
D W D L W
10Goiás37
W W L W D
11Vasco34
W L D W W
12Atlético-MG32
L D L L D
13Botafogo30
L L W L L
14Fluminense29
W W D W L
15Fortaleza28
W L W L L
16Ceará26
L L L W L
17CSA26
L W W L D
18Cruzeiro25
L D D D W
19Avaí17
L L D L L
20Chapecoense16
L L L D L
Últimas notícias