Candangão começa neste sábado (22/1); saiba tudo sobre o torneio

Com novo formato, o campeonato chega à sua 47ª edição com 10 equipes na briga pela taça, que também passou por reformulação

atualizado 22/01/2022 8:18

Brasiliense campeão do Candangão. Jacaré 1 x 0 Ceilândia. Comemoração dos jogadores e equipe técnica.Igo Estrela/Metrópoles

Neste sábado (22/1) a bola começa a rolar pelo Campeonato Candango de 2022. Na 47ª edição da competição, 10 equipes estarão na disputa pelo título da Capital Federal do país. Esta será a primeira edição em que os quatro maiores campeões estarão reunidos: Gama (13 títulos), Brasiliense (10 títulos), Brasília (8 títulos) e Taguatinga (8 títulos).

Além delas, Unaí, Capital, Paranoá, Luziânia, Santa Maria e Ceilândia completam o novo formato, com duas equipes a menos que na edição de 2021.

Para esta temporada, a disputa vai durar até o mês de abril, como ficou definido durante a reunião arbitral da competição realizada em novembro do ano passado.

Serão nove partidas na primeira fase, onde todas as equipes se enfrentam entre si. As quatro equipes com as melhores pontuações avançam para uma segunda fase quadrangular com partidas de ida e volta. As duas equipes com os melhores resultados disputarão a grande final em dois jogos, marcados para os dias 26 de março e 6 de abril.

Nesta primeira rodada, a tabela de jogos é a seguinte:

1ª rodada
22 de janeiro (sábado)
15h30 Ceilândia x Gama
15h30 Capital x Taguatinga

23 de janeiro (domingo)
15h30 Luziânia x Brasília
15h30 Unaí x Santa Maria
15h30 Brasiliense x Paranoá

Veja como chegam as equipes para a nova temporada do Candangão:

Brasiliense

Atual campeão do certame, o Jacaré reforçou seu plantel com as chegadas de Tiago Luís, Matheus Silva e Jonathan Bocão. Além do Candangão, a equipe terá nesta temporada a disputa da Copa Verde e da Copa do Brasil. A equipe vai em defender o título deste ano depositando confiança em Zé Love, principal nome da equipe, que foi artilheiro da última edição com 11 gols.

Capital

A Coruja também se reforçou para a disputa. O clube anunciou a volta do volante Julen Sandy após duas temporadas. A equipe também contratou Rafael Grampola e Felipe Clemente para a disputa do campeonato local. De casa nova, a equipe terá como sede o Estádio JK, no Paranoá, que passou por reformas e está apto receber as partidas.

Brasília

O Colorado do Cerrado, detentor de oito títulos brasilienses (1976, 1977, 1978, 1980, 1982, 1983, 1984 e 1987), vai em busca do 9º caneco com o treinador Luís Carlos e jogadores como os zagueiros Tairone e Vinicius, e os meio-campistas Wilian e Talles Cunha. O Mané Garrincha deve ser a casa do Brasília durante a disputa do campeonato.

Santa Maria

O Santa Maria, comandado pelo treinador Erivaldo Silva, segue rumo ao objetivo de conquistar o primeiro título do Candangão da história do clube. A equipe vai mandar seus jogos no estádio Serra do Lago, em Luziânia, e os principais destaques do elenco são os volantes Fagner, o meia Paulinho e o atacante Watthimen.

Ceilândia

O Gato Preto é dono de dois títulos locais (2010 e 2012) e chega para 2022 apostando novamente no treinador Adelson de Almeida como trunfo para ir além do vice-campeonato de 2021.

O time manteve uma base da última temporada, mantendo nomes como Mirandinha e o goleiro Michael, e repatriando bons jogadores como o atacante Romarinho e o volante Tarta.

Gama

O Gama apostou no técnico Jonilson Veloso, ex-Jacuípense-BA, para 2022. O elenco tem nomes como o meia Filipe Cirne, com passagens por Brasiliense e Ceilândia.

Taguatinga

A Águia Branca inicia o campeonato com novo treinador. Anunciado no mês passado, Luiz Carlos Prima foi considerado um dos melhores preparadores físicos do país, tendo feito parte da campanha da Seleção Brasileira no Tetra de 1994. Sem grandes reforços, a equipe deve apostar na base, que disputou a primeira fase da Copa São Paulo.

Unaí

Já o Verdão da Serra contratou só neste início de ano 4 jogadores, com destaque para o zagueiro Vinicius Fernandes, de 24 anos, que estava no Guarani. A equipe também terá a estreia do treinador Guilherme Silveira, que assumiu há cerca de uma semana, já que Cristian Ramos pediu demissão do cargo por motivos pessoais.

Paranoá

O clube se movimentou bastante para disputar o Candangão 2022, com muitas contratações e mudanças até no escudo. Mas o Paranoá manteve a base do time campeão invicto da Segunda Divisão do Campeonato Candango no ano passado, incluindo a renovação do técnico Klesio Moraes.

Luziânia

Sem grandes contratações, o Luziânia iniciou a preparação para o Candangão no início do mês de janeiro. Com orçamento mais modesto, a equipe aposta na transição de atletas da base para o time principal e no retrospecto vitorioso recente, quando conquistou o título em 2014 e 2016.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias