Brasiliense vence e garante a vaga na fase de grupos da Série D

A equipe volta a campo agora pela nova fase, no próximo fim de semana, contra a Caldense, com data, horário e local ainda indefinidos

atualizado 13/09/2020 17:37

Brasiliense x TocantinopolisRafaela Felicciano/Metrópoles

O grupo 6 da Série D do Campeonato Brasileiro agora tem um novo integrante. Na tarde deste domingo (13/9), o Brasiliense bateu por 4×0 a equipe do Tocantinópolis, no Mané Garrincha, e garantiu a vaga na fase de grupos. Com gols de Balotelli, Luquinhas, Romarinho e Vitor Mariano, o esquadrão amarelo reverteu o resultado de 1×0 sofrido no primeiro jogo.

Sofrendo muito com o calor de 30º e com algumas contusões musculares durante o jogo, o Jacaré conseguiu driblar as adversidades e jogar bem para fazer o largo placar. A equipe volta a campo agora pela fase de grupos em casa, no próximo fim de semana, contra a Caldense, com data, horário e local ainda a ser definidos pela CBF.

O jogo

O Brasiliense iniciou a partida a todo vapor e com dois minutos a equipe teve duas chances para abrir o marcador. Na primeira, Aldo cobrou um lateral para dentro da área, a bola sobrou para Zé Love, que bateu para o gol, mas a bola desviou em Badhuga, que estava em posição de impedimento. Na segunda, outro lateral para a área e Luquinhas bateu de primeira para fora.

O jogo era só pressão por parte do Brasiliense, e o gol não demorou a sair. Aos cinco minutos, Douglas cobrou um escanteio com perfeição na cabeça de Balotelli, que testou para o gol e abriu o marcador.

Dominando amplamente a posse de bola, a equipe amarela se lançava ao ataque, mas não ameaçava com a mesma contundência do início da partida. Quando a equipe voltou a chegar ao gol, a rede balançou mais uma vez. Aos 34’,Jefferson Maranhão fez uma bela jogada pela direita e cruzou para a área, Luquinhas pegou a sobra de bola a bateu no cantinho para ampliar a vantagem.

O Tocantinópolis só foi conseguir sua primeira descida aos 38 minutos. Marquinhos Bala bateu cruzado e Fernando Henrique fez a defesa. Três minutos mais tarde, Lorival foi lançado em velocidade e saiu cara a cara com o arqueiro do Jacaré, que levou a melhor sobre o atacante tocantinense.

Nos acréscimos, o Brasiliense ainda teve duas chances de fazer o terceiro, nos chutes de fora de Romarinho e Sandy, mas ambos esbararam nas defesas de Paulo Henrique.

Segundo tempo

Bem menos movimentado, o começo da segunda etapa seguiu sem grandes emoções até os nove minutos. Romarinho recebeu pela esquerda, cortou para o meio e soltou o pé. A bola saiu rente a trave. O Tocantinópolis respondeu aos 14 minutos, no chute de fora de Leonardo, que parou na defesa sem dificuldades de Fernando Henrique.

Administrando a vantagem, o Jacaré cadenciava o jogo. O Tocantinópolis buscava encontrar espaços para contra-ataques, mas não conseguia driblar a forte marcação amarela. Aos 21, o Brasiliense chegou mais uma vez na cabeçada de Sandy. Quatro minutos depois, Luquinhas arriscou da entrada da área e o arqueiro Paulo Henrique foi na bola para fazer a defesa.

Aos 32, o Jacaré encaixou um ótimo contra golpe com Luquinhas, que tabelo com Vitor Mariano e Marcos Aurélio, até a bola chagar para Romarinho bater rasteiro no cantinho e marcar o terceiro do esquadrão amarelo.

Com apetite de gol, o Jacaré chegou mais uma vez tabelando ao ataque aos 42 minutos. Vitor Mariano recebeu o passe de Marcos Aurélio e bateu rasteiro, sem chances de defesa, para fechar a conta e sacramentar a classificação do Jacaré.

0

Vídeos
Últimas notícias