Brasiliense joga bem e supera Anápolis em preparação para a Copa Verde

O Jacaré fez mais um bom jogo-treino ao bater o adversário fora de casa por 2 x 1 e agradou ao técnico Ricardo Antônio

Lucas Bolzan/Especial para o MetrópolesLucas Bolzan/Especial para o Metrópoles

atualizado 17/07/2019 19:03

O Brasiliense rompeu fronteiras mais uma vez e foi até a cidade de Anápolis-GO para disputar um jogo-treino preparatório para a Copa Verde. O adversário foi o Anápolis, que se prepara para a Segunda Divisão goiana. Em partida equilibrada, o Jacaré venceu por 2 x 1, gols de Tchô e Almir, consolidando mais um duelo proveitoso ao elenco.

O Jacaré começou o jogo com: Edmar Sucuri, Alex Murici, Badhuga, Preto Costa e Peninha; Aldo, David Manteiga, Tchô e Edno; Fabinho e Jobson. A equipe do treinador Ricardo Antônio fez um primeiro tempo bastante competitivo. Em várias chances de gol, o coletivo da equipe foi o destaque, sobretudo em jogadas organizadas por Fabinho, Jobson, Edno e Tchô, que marcou o primeiro gol da partida, aos 37 minutos, após receber pela esquerda e bater forte.

Após o gol, o Brasiliense passou a cadenciar a partida, tocou a bola de um lado para o outro e segurou a equipe goiana até o final do primeiro tempo.

Na segunda etapa, como em todo jogo-treino, Ricardo Antônio mexeu bastante na equipe, que passou a ter: Edmar Sucuri, Bruno Leite, Welton Felipe, Pablo e China; Yves, Sandy, Almir e Tony; Elcarlos e Michel Platini. Destacando a volta do volante Yves e a “estreia” de Elcarlos, o Brasiliense continuou na mesma pegada do primeiro tempo. Porém, a equipe do Anápolis, com algumas modificações, entrou em campo querendo o empate, conseguindo marcar o gol, após Júlio César aproveitar a oportunidade e mandar para rede, aos 17 minutos.

Após o empate, o Jacaré foi para cima. Na reta final do jogo, quando tudo se encaminhava para o empate, uma jogada que saiu de uma cobrança de escanteio foi fundamental. Após cruzamento de China, Almir subiu mais que a marcação e testou firme fechando o placar com vitória amarela.

Feliz com o desempenho da equipe, o treinador Ricardo Antônio enalteceu a disposição de todos os atletas. “Mais uma vez gostei da disposição de todos. Jogamos com dois times e mantivemos o mesmo ritmo. Fiquei feliz com as entradas de Yves e Elcarlos, também e estamos buscando o encaixe correto para semana que vem encerrarmos nossa preparação e irmos para o jogo contra o Vitória, confiantes”, ressaltou.

O Jacaré encerra as atividades da penúltima semana de preparação com mais um jogo-treino na próxima quinta-feira (25/07/2019), às 15h, na Boca do Jacaré, contra a equipe sub-20 do Taguatinga, que está jogando o Candanguinho.

Últimas notícias