Após revolta da torcida, goleiro Bruno é dispensado por time do RJ

Ex-Flamengo foi contratado por clube do Rio de Janeiro, mas passagem durou bem menos que o esperado

atualizado 07/10/2022 13:27

Goleiro Bruno Reprodução/Twitter

Durou pouco, quase nada, a passagem do goleiro Bruno por um clube do Rio de Janeiro. O ex-Flamengo foi contratado pelo Búzios, mas após revolta da torcida, o jogador acabou deixando o time da Região dos Lagos.

Bruno foi anunciado pelo Búzios, time que disputa a quarta divisão do Campeonato Carioca. Porém, a contratação teve uma repercussão negativa por parte dos torcedores, e o negócio foi cancelado. Uma manifestação contra a chegada do jogador está prevista para acontecer na tarde desta sexta-feira (7/10).

Não é a primeira vez que o goleiro passa por este tipo de situação. Bruno foi contratado em 2019 pelo Poços de Caldas, de Minas Gerais, mas a contratação durou 23 dias. Mais recentemente, o goleiro foi anunciado pelo Atlético Carioca, mas a passagem durou apenas cerca de um mês.

Condenação

Bruno Fernandes foi condenado no ano de 2013 a 22 anos de prisão pelo assassinato de Eliza Samudio. O crime aconteceu em 2010. Bruno teve a pena reduzida para 20 anos e nove meses.

Em 2019, o goleiro, ex-Flamengo, teve direito ao regime semiaberto domicilar e atualmente cumpre a pena em liberdade.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias