Após recusar convite, Felipão volta atrás e é o novo técnico do Cruzeiro

Treinador fechou vínculo com a Raposa até 2022 e tentará melhorar a situação do clube na Série B do Campeonato Brasileiro

atualizado 15/10/2020 23:08

Felipão PalmeirasAle Cabral/Getty Images

Acabou a novela do Cruzeiro em busca de um novo treinador: nesta quinta-feira (15/10), o clube fechou com o veterano Luis Felipe Scolari como novo técnico da equipe. O vínculo do treinador com a Raposa terá duração até 2022 e a missão não é das mais fáceis: recuperar o time mineiro na Série B do Campeonato Brasileiro.

O treinador chega após um período sem trabalhar. O último trabalho de Felipão foi no Palmeiras, onde foi campeão brasileiro em 2018 e saiu no segundo semestre de 2019. O novo comandante da Raposa deve acompanhar a partida desta sexta-feira (16/10) contra o Juventude, no Mineirão. Um patrocinador deve arcar com os salários do pentacampeão mundial.

Assim, encerra-se a saga do novo treinador do Cruzeiro. Após a saída de Ney Franco, o clube ouviu não de nomes como Lisca, Umberto Louzer e do próprio Felipão.

Vídeos
Últimas notícias