Brasília encerra 2019 com derrota para o Minas no NBB

Fora de casa, os comandados de Ricardo Oliveira foram superados pelos minastenistas por 90 x 60

Reprodução/TwitterReprodução/Twitter

atualizado 29/12/2019 13:57

O Brasília chegou à marca de dez derrotas no NBB na manhã deste domingo (29/12/2019). Jogando em Belo Horizonte (MG), o time da capital federal foi dominado pelo Minas Tênis Clube por 90 x 60, em partida válida pela 12ª edição do NBB. Foi o último jogo da equipe em 2019. O Brasília entrou em quadra desfalcado do pivô Bruno Fiorotto, dispensado da partida pela comissão técnica para acompanhar o nascimento da segunda filha.

O cestinha da partida foi o ala/armador Alex Garcia, autor de 18 pontos. Pelo Brasília, Arthur se destacou ofensivamente, terminando o duelo com 17 pontos.

Alheio à torcida adversária, o Brasília começou o jogo em ritmo alucinante. Com a defesa ajustada, os visitantes chegaram a abrir 8 x 0 de vantagem no marcador. O Minas, porém, tinha Alex Garcia. O ex-capitão do Brasília comandou a ofensiva minastenista e, com dez pontos no primeiro período, ajudou os donos da casa a terminarem os dez minutos iniciais à frente por 24 x 17.

A partida ganhou contornos semelhantes no segundo quarto. O Brasília até começou melhor o período, chegando a diminuir a vantagem adversária no placar. O Minas, porém, tratou de esfriar a reação brasiliense. Com Alex novamente se destacando no ataque, os mineiros foram para os vestiários à frente por 42 x 32.

O Minas Tênis Clube liquidou a fatura ainda no terceiro quarto. Pontuando de todas as formas possíveis, entre enterradas, bolas de três pontos e arremessos à meia-distância, os donos da casa sobraram em quadra e chegaram a ter quase 30 pontos de vantagem, em meio aos erros do Brasília, que anotou apenas dez pontos no período. Ao final de três quartos de jogo, o Minas já vencia o duelo por confortáveis 71 x 42.

Com a vitória encaminhads desde o terceiro período, o Minas Tênis Clube apenas administrou a vantagem nos últimos dez minutos. Com um time composto basicamente por reservas, o Brasília teve apenas alguns lampejos em quadra, como no toco de Gui Bento sobre Jackson Jr. Os raros bons momentos em quadra, entretanto, não foram suficientes para impedir a terceira derrota por 25 ou mais pontos do Brasília no NBB 12.

Agora, o time da capital federal ganha folga até o dia 5 de janeiro, quando se reapresenta para o restante da temporada. O primeiro desafio de 2020 será em casa: no dia 13 de janeiro, no Ginásio da Asceb, às 20h, quando os brasilienses recebem o Pato Basquete (PR).

Últimas notícias