WarnerMedia e Discovery anunciam fusão para criação de novo streaming

A plataforma, que ainda não ganhou nome, contará com produções da HBO e da Warner Bros., além dos mais de 200 canais da Discovery

atualizado 18/05/2021 10:23

Warner Bros./Divulgação

Prestes a lançar o HBO Max na América Latina, a WarnerMedia se movimenta para lançar um novo streaming. A AT&T anunciou, nessa segunda-feira (17/5), a fusão da empresa, detentora do estúdio Warner e HBO, com o grupo Discovery.

Descrita como a criação de “um dos maiores players globais do streaming”, o acordo vai render mais de US$ 43 bilhões à AT&T, e seus acionistas terão 71% da nova empresa, enquanto os acionistas do grupo Discovery ficarão com 29%.

A nova plataforma, no entanto, deve focar em conteúdo ao vivo e esportivo. De acordo com o comunicado, a parceria combina “o entretenimento premium e os produtos esportivos e noticiosos da WarnerMedia com a liderança da Discovery em entretenimento internacional e de não ficção, assim como com seus negócios esportivos, para criar uma empresa global de entretenimento líder e autônoma”.

Com uma dívida em torno de US$ 169 bilhões, a AT&T busca fortalecer suas finanças com a criação do novo streaming em conjunto com a Discovery. No ano passado, a empresa vendeu sua plataforma especializada em animes, a Crunchyroll, para a Sony, e cedeu parte dos direitos da DirectTV – seu streaming de canais pagos – para a firma de investimentos TPG.

0

Lembrando que a AT&T comprou a Warner em 2018 e, no ano passado, lançou seu primeiro streaming, o HBO Max, que chega ao Brasil em junho e conta com títulos do estúdio Warner Bros., DC Comics, HBO, CNN, entre outros. O Discovery também tem sua plataforma, o Discovery+.

Segundo dados divulgados no final de 2020, a HBO MAX contava com 61 milhões de assinantes, e a Discovery+, 15 milhões, no final de abril. Já a Netflix bateu a marca dos 204 milhões, e as plataformas Disney (Disney+, ESPN+, Hulu), cerca de 146 milhões.

Mais lidas
Últimas notícias