*
 

Sem maiores dificuldades, Otávio (Alexandre Borges) deu início à sua ambição expansionista. Assim, invadiu Artena com seu exército e conquistou o castelo, centro do poder local. Para isso, o rei de Lastrilha contou com a cumplicidade de Rodolfo (Johnny Massaro), novo soberano de Alcaluz, que se tornou seu aliado e ajudou a financiar o ataque.

Ao saber da invasão, Afonso (Rômulo Estrela) mobilizou suas forças e, ao lado do comandante de seu exército, Romero (Marcelo Airoldi), partiu em direção à Artena para expulsar Otávio. Afinal, a ideia de que seu inimigo tenha acesso ao mar é algo inaceitável.

 

Contudo, o rei de Montemor tem uma desagradável surpresa. Certo de que Otávio iria fugir de Artena ao saber de sua marcha para o reino vizinho, pois as forças rivais seriam supostamente inferiores, Afonso fica intrigado quando o soberano de Lastrilha não só permanece no local como mostra total confiança em enfrentar seu exército.

Preocupado com a atitude de seu inimigo, Afonso consulta Romero sobre o que devem fazer e ambos concluem que Otávio certamente está contando com o auxílio de Rodolfo, que teria contratado soldados mercenários para se juntarem ao exército de Lastrilha. Seguro do risco de uma derrota, o soberano de Montemor toma a difícil decisão de bater em retirada com suas forças.

E assim, sem desferir um golpe de espada sequer ou lançar uma única flecha contra o exército de Afonso, Otávio comemora sua primeira vitória na guerra contra o inimigo. As cenas em que Afonso se depara com o exército de Otávio e bate em retirada irão ao ar a partir da próxima segunda-feira (16/7).