A Dona do Pedaço: jurada de morte, Maria foge para São Paulo

Cenas vão ao ar no segundo capítulo da nova novela das 21h, que será exibido nesta terça (21/05/2019)

João Miguel Júnior/TV Globo/DivulgaçãoJoão Miguel Júnior/TV Globo/Divulgação

atualizado 17/05/2019 16:27

No segundo capítulo de A Dona do Pedaço, que irá ao ar na terça-feira (21/05/2019), Maria da Paz (Juliana Paz) verá seu mundo desmoronar após Amadeu (Marcos Palmeira), seu noivo, ser baleado durante a cerimônia de casamento dos dois. Acusada de estar envolvida no atentado, ela será obrigada a fugir da pequena Rio Vermelho, no interior do Espírito Santo, e seguir de ônibus para a gigantesca São Paulo.

Dura pouco a paz entre a família de Maria, os Ramirez, e a de Amadeu, os Matheus. Durante o casamento dos dois, ele leva um tiro no altar e tem início uma confusão generalizada. Enquanto o noivo é levado às pressas para o hospital, a moça é carregada com urgência para casa e se revolta contra seus parentes, pois acredita que a promessa de paz foi quebrada.

Enfurecida, Ticiana (Áurea Maranhão) jura Maria de morte pelo atentado contra seu irmão e deixa a situação ainda mais dramática, pois um banho e sangue se torna iminente. Desesperada, Evelina (Nívea Maria) sugere que a filha fuja para se salvar. Atônita, Maria questiona a família sobre quem atirou em Amadeu e Ticiana, que está perto, ouve. Ao voltar para casa, a jovem afirma que foram os Ramirez que cometeram o atentado e todos decidem se vingar.

A filha de Evelina é caçada pela cidade enquanto seus padrinhos a levam para a rodoviária. Ao saber da fuga, Ademir (Genézio de Barros) se revolta contra a mãe da jovem por incentivá-la a fazer isso. Lutando pela própria vida, Maria chega à rodoviária, embarca no ônibus e segue para São Paulo sozinha, sem conhecer ninguém na maior cidade do país.