Governo do Distrito Federal lança edital FAC Mais Cultura

A previsão é que sejam investidos R$ 5,5 milhões em até 103 projetos distribuídos entre 48 linhas de apoio

Rafaela Felicciano/MetrópolesRafaela Felicciano/Metrópoles

atualizado 02/09/2019 15:33

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) publicou, nesta segunda-feira (02/09/2019), o edital Mais Cultura do Fundo de Apoio à Cultura (FAC) do Distrito Federal. A previsão é que sejam investidos R$ 5,5 milhões em até 103 projetos distribuídos entre 48 linhas de apoio. Os projetos contemplados na seleção serão realizados em até dois anos. Inscrições vão de 30 de setembro a 15 de outubro.

Neste novo edital, haverá reserva de vagas de acordo com o local de residência do agente cultural, divididos em dois blocos. Em cada um dos segmentos artísticos e culturais disponibilizados, deverão ser contemplados pelo menos um projeto de moradores de Brazlândia, Ceilândia, Planaltina, Riacho Fundo, Riacho Fundo II, SAI, Samambaia Santa Maria, São Sebastião ou Vila Planalto; e pelo menos uma ação de agentes de Sol Nascente/Pôr do Sol, Fercal, Itapoã, Paranoá, Recanto das Emas, Estrutural, Varjão ou Vila Telebrasília.

De acordo com a Secec, o objetivo é consolidar o edital como uma nova linha permanente que valoriza as produções de agentes culturais das regiões administrativas com menores Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), além de contribuir para a descentralização e democratização dos recursos disponibilizados pelo fundo.

Capacitação

A Secretaria de Cultura e Economia criativa também vai realizar oficinas de capacitação aos agentes culturais. Serão cinco encontros para auxiliar os interessados nas questões relativas ao edital, como elaboração de projetos, critérios de seleção e impedimentos.

As capacitações serão realizadas em setembro, antes da abertura do período de inscrições em Samambaia, Planaltina, Núcleo Bandeirante, Sol Nascente/Pôr do Sol e Plano Piloto.

Últimas notícias