Confira 10 livros essenciais para conhecer a literatura feminista

Virginie Despentes, Margaret Atwood, Chimamanda Ngozi Adichie: veja obras escritas por mulheres que marcaram história

Film Fixx/Everett Collection

atualizado 25/05/2018 14:49

A escritora brasileira Conceição Evaristo pode se tornar a primeira escritora negra a entrar na Academia Brasileira de Letras (ABL). Dois movimentos sociais têm criado petições on-line pedindo que ela entre para a instituição. Seus trabalhos abordam discriminação de classe, gênero e raça.

Escritoras sempre existiram na literatura, algumas com mais sucesso que as outras. Muitos dos trabalhos feministas escritos ao longo dos anos, porém, não foram produzidos com a intenção de se tornarem ícones da luta de mulheres. Um deles, por exemplo, é Baise-Moi, de Virginie Despentes.

O primeiro romance da autora foi publicado em 1993, inspirado no estupro que sofreu. No começo de 2000, a obra foi filmada e virou um filme banido na França por ser extremamente gráfico e violento.

Baise-Moi é um dos exemplos de livros que retratam os dramas da mulher contemporânea: seus medos e sua disposição em lutar por um mundo com igualdade de gênero. O Metrópoles preparou um guia com obras feministas interessantes,

Confira:

0

Últimas notícias