Goleiro Bruno diz que espera resultado de DNA de seu filho com Samudio

O goleiro do Rio Branco Futebol Clube respondeu um seguidor em seu Instagram e afirmou que espera pelo exame de DNA

atualizado 11/08/2020 15:14

Marcelo Albert/TJMG

O goleiro Bruno comentou nesta terça-feira (11/8) sobre o filho que teve com a modelo Eliza Samudio, assassinada a mando do atleta em 2010. Bruninho, de 10 anos, vive com a avó no Mato Grosso do Sul e afirmou em entrevista recente que o pai “deveria ficar em prisão perpétua”.

Em seu Instagram, Bruno comentou que espera o resultado do exame de DNA para saber se o menino é mesmo seu filho: “Primeiro temos que saber do resultado do DNA, se for comprovado com certeza terá muitas fotos com ele”.

0

Ao site ContilNet, Bruninho afirmou que o pai não deveria estar solto: “No mínimo, ele deveria ficar em prisão perpétua, porque eu acho uma sacanagem tirar a vida de um ser humano. Não existe nenhum motivo que explique isso. Nenhum. Infelizmente ele é uma ameaça para a sociedade, e eu me sinto muito ameaçado com isso”.

Bruno foi condenado a 22 anos e três meses de prisão pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza Samudio, além do sequestro e cárcere privado do filho que teve com a modelo. O goleiro está em regime semiaberto desde julho de 2019.

Agora, ele é o novo goleiro do Rio Branco Futebol Clube. O contrato dele com o time é de seis meses.

Últimas notícias