Com direção de Wagner Moura e Seu Jorge no papel principal, o filme Marighella foi selecionado para a mostra principal do Festival de Berlim 2019, que ocorre na capital alemã de 7 a 17 de fevereiro. A produção terá sua estreia mundial no evento e está fora da competição.

Produzida pela O2 Filmes, a estreia de Wagner Moura atrás das câmeras conta a história do guerrilheiro que lutou contra a ditadura militar brasileira. Além de Seu Jorge, o elenco conta com Adriana Esteves, Bruno Gagliasso, Jorge Paz, Luiz Carlos Vasconcelos e Humberto Carrão.

O filme, orçado em R$ 10 milhões, é inspirado no livro Marighella – O Guerrilheiro que Incendiou o Mundo, do jornalista Mário Magalhães, lançado originalmente em 2012 pela Companhia das Letras.

Militante comunista desde a juventude, deputado federal constituinte e fundador do maior grupo armado de oposição à ditadura militar brasileira, a Ação Libertadora Nacional, Marighella nasceu em Salvador em 1911, era também poeta e acabou virando letra de música de Caetano Veloso e dos Racionais MC’s. Ele foi assassinado em 1969 numa ação comandada pela ditadura, em São Paulo.

Marighella deve chegar aos cinemas brasileiros no dia 18 de abril de 2019.

Outros 16 filmes também foram anunciados para a première no Festival de Berlim, entre eles, Elisa y Marcela, de Isabel Coixet, e Varda par Agnès, de Agnès Varda.

Em dezembro, foi anunciado que o drama Greta, de Armando Praça, e o documentário Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chegar, de Marcelo Gomes, foram selecionados para a mostra Panorama do Festival.