BBB22. Ariadna lembra transfobia de Pedro Scooby: “Chamou de traveco”

O surfista aconselhou Rodrigo a tirar o termo preconceituoso de seu dicionário; a ex-BBB recordou que o ex de Piovani já cometeu mesmo erro

atualizado 21/01/2022 18:21

Ariadna e Pedro ScoobyReprodução/Instagram

Após comentar o caso transfóbico que aconteceu na madrugada desta sexta-feira (21/1) no Big Brother Brasil 22, Ariadna Arantes revelou, em seu Twitter, que também já sofreu preconceito de Pedro Scooby. O surfista foi uma das pessoas que aconselhou Rodrigo na ocasião.

Ex-BBB Ariadna Arantes defende Anitta e acusa Ratinho de traição

O preconceito aconteceu quando o esportista ainda namorava Anitta. “Foi exatamente o que o Scooby fez comigo em 2019 em Milão. Fez um facetime pro irmão dele e veio falar, tô com 3 traveco aqui. E na mesma hora eu falei: traveco não, eu sou uma mulher você me respeita. Claro que essa gracinha ele só fazia quando a Patroa tava dando entrevista”, contou a ex-BBB.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

Ariadna também explicou que não contou para Anitta o acontecido na hora”Tanto que eu só contei isso pra ela quando viajamos pra Croácia. Tomara mesmo que ele tenha mudado e pensa desse jeito, porque quando tava eu e as 2 irmãs de santo travestis da Anitta lá no show dela, ele foi chamar a gente de traveco”, completou.

Entenda

Depois de começar o Big Brother Brasil em alta e chamar a atenção de Anitta, Rodrigo Mussi está sendo criticado nas redes sociais. Na madrugada desta sexta-feira (21/1), ele foi zoar Eliezer, usou um termo chulo para se referir a um travesti e foi cobrado por Maria e Vyni.

Pouco antes de dormir, o brother virou para Eliezer e, rindo, lembrou de uma história contada pelo amigo. “O Eli, eu estou tentando dormir, mas estou lembrando do pinto do traveco que você ficou com medo”, disse Rodrigo.

Após ficar sabendo do caso, Ariadna detonou o gerente comercial. “O ano era 2022… E eles não sabem. Tendo em frente uma travesti mega feminina, a imagem e semelhança de uma mulher, mas eles insistem em falar DO [email protected] É claro que ele vai falar com a Linn e pedir pra ela ensinar a ele. Todos já sabem do poder do cancelamento e as consequências do que o erro causado dentro do BBB traz na vida de uma pessoa. O babado é: por mais quantos anos teremos que ensinar? Isso cansa sabia?”, escreveu ela.

Rodrigo Mussi usou seu tempo no Raio-X para pedir desculpas por ter usado o termo “traveco” para se referir a Eliezer, durante uma conversa na madrugada desta sexta-feira (21/1). Além disso, pediu à produção para conversar com um psicólogo, pois não estava se sentindo bem em relação ao episódio.

Depois de conversar com Pedro Scooby e Vyni, o gerente comercial procurou Linn da Quebrada para tentar entender o que falou de errado e recebeu uma resposta incisiva da cantora.

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos

Mais lidas
Últimas notícias