*
 

Ana Clara parece que não desistiu de Breno. Na festa Femineja, que rolou na madrugada desta quinta-feira (8/2), ela foi até o brother fazer as pazes depois da DR homérica que os dois tiveram durante uma balada da semana passada.

“Vê se não fica com ódio eterno da minha pessoa”, disse a estudante de jornalismo. “Quem parou de conversar foi você e não eu”, respondeu o goiano. Foi aí que Ana Clara se declarou: “Eu quero beijar você em todas as festas”.

Ela continuou. “Eu entendo você porque você me ouviu falar uma merda pra Paula e eu não estou te culpando, eu falei mesmo. Independente de qualquer coisa que rolou eu não quero que você guarde um ressentimento meu. Se você quiser beijar alguém, o problema não é esse. Tô te pedindo desculpa agora. É uma coisa que eu não peço, mas tô te pedindo”.

Breno, que havia beijado também Jaqueline, usou novamente a desculpa de Ayrton, pai de Ana Clara, para se desvencilhar da jovem. “Seu pai vai chegar aí”, disse ele. “E se chegar, qual o problema”?, questionou a carioca. Ele, então, retrucou: “Você sabe qual é o problema. Eu tenho  dificuldade com isso e não nego”, e se afastou em seguida.