*
 

Kaysar votou na família Lima no último Paredão e deixou Ayrton chateado. Por isso, o sírio chamou o patriarca para uma conversa nessa segunda-feira (2/4).

Papito não se intimidou e abriu o jogo. “Me senti traído porque queria que fosse leal comigo como fui com você. Mas isso é egoísmo meu, você não tem obrigação, OK? Continuo tendo o mesmo carinho e respeito por você, mas perdi a confiança. E olha, você brinca com a minha filha, mesmo dizendo que ela não fala com você”, explicou Ayrton.

Kaysar ficou ofendido e questionou: “Poxa, chefe, traidor? Isso é muito forte, tá me chamando de traidor?”. “Não, em nenhum momento disse isso. Disse que me senti traído, e isso é coisa minha, é sobre o meu sentimento”, retrucou Lima. O brother refugiado não quis aceitar a explicação e se mostrou muito ofendido.

“No meu país, um traidor é um cara que é condenado à morte. É um cara que você enfia um ferro queimando na bunda até sair pelo outro lado”. Ayrton seguiu tentando justificar suas palavras, argumentando que jamais teria votado no colega caso a situação fosse inversa.

“Se você estivesse nessa berlinda, nunca colocaria você no Paredão. Sou leal. É muito mais forte a afinidade que você tem comigo do que com a Ana Clara, beleza, mas você deu mais valor ao negativo do que ao positivo”, garantiu. Apesar do clima tenso, os dois terminaram a conversa com um aperto de mãos.

 

 

COMENTE

bbb 18Kaysararyton
comunicar erro à redação

Leia mais: BBB