Vídeo. DF Legal começa remoção de invasão na Ponte Alta

Desocupação vai proporcionar espaço para assentamento de 35 famílias rurais dentro dos próximos 60 dias

atualizado 16/09/2020 21:06

TratorDivulgação/DF Legal

A Secretaria de Proteção da Ordem Urbanística (DF Legal) removeu ocupações irregulares em uma área na Ponte Alta, Gama, nesta quarta-feira (16/9). A região desocupada faz parte do Programa de Assentamento de Trabalhadores Rurais (Prat), da Secretaria da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural do Distrito Federal (Seagri-DF).

Foram removidos dois condomínios que estavam sendo levantados e cinco edificações em alvenaria, uma em madeira, além de três bases de construção.

No total, houve a derrubada de 10 postes e desligamento de sete pontos de energia irregulares. Os auditores também retiraram aproximadamente 2 km lineares de cercas, derrubaram 150 m de muros e soterraram uma fossa séptica.

Veja imagens da ação:

0

“A operação de hoje no Prat do Núcleo Rural Ponte Alta foi mais um exemplo da Operação Pronto Emprego, que em sua essência procura integrar todos os órgãos, secretarias e forças de segurança do Distrito Federal no combate à grilagem de terras e ao parcelamento irregular do solo”, aponta o secretário da DF Legal, Cristiano Mangueira.

Segundo a pasta, a invasão começou há seis anos. De acordo com o subsecretário de Políticas Sociais Rurais, Abastecimento e Comercialização, João Pires da Silva Filho, a área será empregada para o assentamento de 35 famílias. O processo de seleção está em curso e deverá ser concluído dentro de 60 dias.

Nesta fase, foram desocupadas apenas construções sem moradores. Respeitando os protocolos de combate à Covid-19, nenhuma residência habitada foi removida neste momento. As ações nos locais com moradores ocorrerão posteriormente. (Com informações do DF Legal)

Últimas notícias