Veja o que fica aberto em Ceilândia e Estrutural após restrições do GDF

Determinação suspende funcionamento de diversas atividades por 72 horas, a partir de segunda-feira (08/06)

atualizado 06/06/2020 19:48

O decreto que restringe atividades em Ceilândia e Estrutural a partir de segunda-feira (08/06) exclui algumas atividades da medida de controle ao avanço do coronavírus.

Publicada em Diário Oficial neste sábado (06/06), a determinação assegura o funcionamento de clínicas médicas, odontológicas e veterinárias, além de supermercados e centros de compras, com exceção de feiras populares.

Padarias, postos de combustíveis e funerárias também continuarão operando enquanto durar a medida de restrição.

Confira outras atividades autorizadas a funcionar no período: 

  • Clínicas e consultórios médicos e odontológicos, laboratórios e farmácias;
  • Clínicas veterinárias, somente para atendimento de urgências;
  • Supermercados, hortifrutigranjeiros, minimercados, mercearias, açougues, peixarias, comércio
    estabelecido de produtos naturais, bem como de suplementos e fórmulas alimentares, sendo vedado,
    em todos os casos, a venda de refeições e de produtos para consumo no local;
  • Padarias e lojas de panificados, apenas para a venda de produtos, sendo vedado o fornecimento
    de refeições de qualquer tipo para consumo no local;
  • Lojas de materiais de construção e produtos para casa, incluídos os home centers;
  • Postos de combustíveis;
  • Lojas de conveniência e minimercados em postos de combustíveis, sendo vedados o consumo
    de produtos no local e a disponibilização de mesas e cadeiras;
  • Petshops e lojas de medicamentos veterinários ou produtos saneantes domissanitários;
  • Relativas a toda a cadeia do segmento de veículos automotores;
  • Empresas que firmarem instrumentos de cooperação com o Distrito Federal no enfrentamento da
    emergência de saúde pública relativas ao coronavírus ou à dengue nas áreas de atendimento à saúde
    básica, atendimento odontológico, assistência social, e nutrição, tanto para o fornecimento de
    alimentação preparada com embalagem para retirada individual, quanto para recolhimento e
    distribuição de alimentos em programas para garantir a segurança alimentar;
  • Funerárias e serviços relacionados;
  • Lotéricas e correspondentes bancários;
  • Lavanderias, exclusivamente no sistema de entrega em domicílio;
  • Floriculturas, exclusivamente no sistema de entrega em domicílio;
  • Empresas do segmento de controle de vetores e pragas urbanas;
  • Atendimento ao público em todas as agências bancárias e cooperativas de crédito no Distrito
    Federal, públicas e privadas
  • Sistema S (Senai, Sesc, Sesi, Senac, Senar, Sescoop. Sebrae, Sest, Senat);
  • Óticas.
0

 

Últimas notícias