Vacinação de pessoas de 64 e 65 anos começa às 13h desta 6ª no DF

Distrito Federal recebeu 80 mil doses de imunizantes na madrugada desta sexta-feira (16/4), o que possibilitou a antecipação da campanha

atualizado 16/04/2021 12:42

fila vacina parque cidade covid 19 brasiliaGustavo Moreno/Especial Metrópoles

O Distrito Federal começará a vacinar pessoas com 64 e 65 anos contra a Covid-19 ainda nesta sexta-feira (16/4). A campanha tem início às 13h. Veja aqui os endereços dos postos de imunização.

A Secretaria de Saúde (SES-DF) recebeu novo lote de vacinas na Rede de Frio Central nesta madrugada. O voo da Latam com as doses desembarcou à 0h31 em Brasília. Por meio do programa Avião Solidário, a companhia aérea tem realizado embarques voluntários, entregando imunizantes gratuitamente para todas as unidades da Federação.

Na quinta (15/4), o governador Ibaneis Rocha (MDB) anunciou que a imunização dessa faixa etária começaria no sábado (17/4). Porém, com a chegada desta remessa, a SES-DF montou uma força-tarefa para a conferência e distribuição dos imunobiológicos, o que antecipou a inclusão desse grupo.

O novo lote tem 80 mil doses, entre as quais 72,8 mil serão aplicadas, e o restante deve ser mantido como reserva técnica. De acordo com a secretaria, são 40.971 doses do imunizante da AstraZeneca e 31.847 da Coronavac.

0
Outros grupos

Além dos idosos, a Saúde continuará a vacinação dos profissionais das forças de segurança a partir da próxima segunda-feira (19/4). Os trabalhadores da saúde poderão agendar a aplicação da primeira dose nesta mesma data.

A estimativa da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) é de que o DF tenha uma população com 64 e 65 anos composta por 40.515 pessoas sendo 20.804 com 64 anos e 19.711 com 65 anos. A divisão das doses foi definida pelo Ministério da Saúde e o DF seguirá o fluxo conforme orientação do órgão federal.

A remessa conta com doses para uso em primeira aplicação (D1) e para o reforço (D2). A distribuição para a primeira dose será da seguinte forma:

  • 43.140 doses para idosos de 65 e 64 anos;
  • 2.237 doses para vacinar profissionais das forças de segurança;
  • 3.906 para profissionais de saúde.

Estas últimas 3,9 mil serão ampliadas para 4.414, pois 508 doses do agendamento passado, que tinham sido separadas para perda técnica, serão usadas nesta fase.

O Ministério da Saúde aumentou a porcentagem de perda técnica a ser enviada aos estados. Antes, 5% das doses recebidas eram reservadas para suprir perdas técnicas. Agora, esse percentual será de 10%, uma vez que há frascos chegando com menos doses que o esperado.

Mais locais de vacinação

Nesta sexta, três novos pontos de vacinação foram disponibilizados no DF: na Praça dos Direitos, no Itapoã; Espaço Céu das Artes, no Recanto das Emas; e na Praça dos Direitos, em Ceilândia. Também houve mudança no drive-thru de Santa Maria, que antes era localizado na administração da cidade e agora fica na UBS 7, na Avenida Brigadeiro Pinto de Moura, S/N, Santos Dumont.

Além disso, pessoas com 64 e 65 anos terão 13 postos de vacinação durante o fim de semana para receber a primeira dose da imunização contra Covid-19 no DF.

Do total de locais em que haverá aplicação das vacinas, quatro são de acesso exclusivamente presencial, ou seja, a pé. São eles: Samambaia, Recanto das Emas, Ceilândia e Sobradinho. No Estádio Bezerrão, no Gama, além de Guará e Planaltina, a imunização será feita tanto em quem chegar a pé quanto de carro, nos chamados drive-thrus.

No Shopping Iguatemi do Lago Norte; no Jardim Botânico; em Ceilândia; no estacionamento da Unieuro de Águas Claras; no Taguaparque, em Taguatinga; e no Parque da Cidade, na Asa Sul, o atendimento será exclusivamente para quem estiver em carros.

Últimas notícias