Tem 60 anos? Saiba onde tomar 4ª dose de vacina contra Covid no DF

O Distrito Federal vai começar, nesta sexta-feira (6/5), a aplicação da 4ª dose de vacina contra Covid-19 em pessoas a partir de 60 anos

atualizado 05/05/2022 19:21

Prefeitura de Goiânia disponibiliza drive-thru de vacinação no estacionamento do Estádio Serra Dourada. A imunização contra CoViD-19 e Influenza na primeira etapa, até o dia 30/04, é direcionada a idosos a partir de 60 anos, além de trabalhadores da área da saúde. A vacina contra a Influenza é trivalente e é eficaz contra as cepas H1N1, H3N2 e tipo BVinícius Schmidt/Metrópoles

O Distrito Federal dará início à aplicação da 4ª dose de vacina contra Covid-19 em pessoas a partir de 60 anos nesta sexta-feira (6/5). O anúncio da ampliação do público foi feito nesta quinta-feira (5/5) pelo secretário de Saúde do DF, general Manoel Pafiadache.

“O intervalo [entre a terceira e a quarta doses] é de quatro meses. Tomando cuidado com esse intervalo, a aplicação para os maiores de 60 anos começa amanhã”, disse o secretário.

Para ser atendido, basta comparecer a um dos pontos de atendimento portando o cartão de vacinação e um documento de identificação com foto. Confira a lista completa dos locais de imunização e horários de atendimento no site da Secretaria de Saúde.

O que se sabe sobre a aplicação da 4ª dose da vacina no Brasil

0

900 mil não tomaram a 3ª dose

No Distrito Federal, cerca de 900 mil pessoas aptas a tomarem a 3ª dose de vacina contra Covid-19 ainda não voltaram aos postos de saúde para a aplicação. Segundo a Secretaria de Saúde do DF, esses cidadãos receberam a 2ª dose há quatro meses ou mais, portanto, podem receber o reforço.

Em abril deste ano, a quantidade de pessoas que se encaixa neste grupo era de cerca de 600 mil. Em coletiva realizada nesta quinta-feira, os gestores da pasta explicaram o motivo do aumento.

“A partir do momento em que a população que se vacinou com a 1ª e 2ª dose alcança o tempo para tomar a 3ª dose e não aparece, ela passa a ser contada entre as pessoas que estão atrasadas. Por isso, temos um número tão grande”, explicou o secretário adjunto de Assistência à Saúde, Pedro Zancanaro.

O secretário e assessores fizeram um apelo durante a coletiva para que aqueles com ciclo vacinal incompleto procurem atendimento e atualizem o cartão de vacinação.

Quer ficar ligado em tudo o que rola no quadradinho? Siga o perfil do Metrópoles DF no Instagram.

Quer receber notícias do DF diretamente no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesdf.

Mais lidas
Últimas notícias