Vídeo: jovem é atraído para matagal momentos antes de ser morto no DF

Lucas Matheus da Silva foi encontrado morto em área do Paranoá dois dias após o desaparecimento. Vítima foi agredida, torturada e esfaqueada

Facebook/ReproduçãoFacebook/Reprodução

atualizado 19/06/2019 17:31

Imagens de câmeras de segurança recolhidas pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) mostram o momento em que Lucas Matheus Machado da Silva (foto em destaque), 20 anos, é atraído por uma adolescente de 17 para um matagal na região conhecida como “Subida da Água de Coco”, no Paranoá.

No local, o jovem foi agredido, torturado e assassinado a golpes de faca por Roberto Conceição Nascimento, 25, e Elton Henrique Souza Freitas, 23. Segundo investigadores da 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá), a adolescente também tem participação no assassinato.

Nas imagens (veja abaixo), é possível observar que a jovem acompanha a vítima até o local onde o corpo de Lucas foi encontrado. O rapaz chegou a ser dado como desaparecido em 7 de maio e teve seu corpo encontrado dois dias depois, no matagal situado a 100 metros de uma parada de ônibus.

De acordo com os policiais, os três teriam matado Lucas porque o jovem, portador de deficiência mental, ligou para a adolescente e teria se masturbado para que ela ouvisse. A garota relatou ter deixado o telefone no viva-voz, e tudo teria sido acompanhado por Elton e Roberto.

Em razão disso, eles teriam resolvido matá-lo. A família registrou boletim de ocorrência relatando o desaparecimento de Lucas. Nos relatos, foi informado que ele ia para a igreja. Porém, foi morto no caminho.

Últimas notícias