*
 

A Divisão de Repressão a Sequestros (DRS) começou a investigar o caso de um roubo com restrição de liberdade ocorrido nessa terça-feira (6/3), por volta de 13h, na Quadra 502 de Samambaia Sul. Levado por dois criminosos, o homem está desaparecido. A ocorrência havia sido registrada na 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia), mas foi transferida para a delegacia especializada.

O caso pode sofrer uma reviravolta, segundo fontes ouvidas pelo Metrópoles, já que não é comum uma vítima de roubo com restrição permanecer desaparecida por tanto tempo. O homem, que estava com a mulher e uma criança, foi rendido por criminosos armados na porta do condomínio onde moram, em frente ao fórum da cidade, agredido e levado pelos bandidos. O carro dele foi deixado para trás.

Conforme informou o diretor-adjunto da DRS, Paulo Renato Fayão, nenhuma hipótese é descartada no início das investigações. “Estamos trabalhando para localizar a vítima”, disse.

 

 

 

De acordo com a ocorrência, um dos bandidos se aproximou do veículo enquanto a família se preparava para sair e perguntou onde ficava a farmácia mais próxima. Em seguida, o criminoso seguiu em direção ao estabelecimento, mas retornou assim que a vítima assumiu o volante.

Nas imagens de uma câmera de segurança, é possível ver o homem sacar a arma e fazer gestos para que o condutor descesse. O motorista foi dominado e agredido pelo suspeito, com a ajuda de um comparsa.

Pouco depois do roubo com restrição de liberdade, às 15h30, um comerciante de 42 anos foi morto a tiros na Quadra 403 de Samambaia. Ninguém foi preso até agora.