PCDF prende homem que matou morador de rua a pedradas

Autor e vítima moravam na rua, compartilhavam drogas e consumiam bebidas alcoólicas. Crime ocorreu em Brazlândia

Reprodução/WhatsAppReprodução/WhatsApp

atualizado 19/10/2018 12:59

A Polícia Civil prendeu, nessa quinta-feira (18/10), um homem suspeito de matar, a pedradas, um morador de rua em Brazlândia. A vítima, identificada como Alair Bernardes da Silva, dormia na marquise de um igreja localizada próximo à Feira Permanente da Vila São José.

De acordo com a investigação da 18ª Delegacia de Polícia (Brazlândia), ambos moravam na rua, compartilhavam drogas, como crack e maconha, e consumiam
bebidas alcoólicas.

No dia do crime, eles teriam se desentendido, o que motivou o homicídio. Após as providências legais, o autor, conhecido como “Doda”, foi conduzido ao cárcere da Polícia Civil do Distrito Federal, onde está à disposição da Justiça.

O crime ocorreu por volta das 5h do dia 17 de setembro, na Entrequadra 48/37 de Brazlândia. No local, PMs encontraram o homem morto e com sinais de que havia sido apedrejado.

Com base em informações da corporação, havia uma pedra, com cerca de 10kg, manchada de sangue próximo ao corpo. Os indícios levantados no local apontaram que, na véspera, houve uma discussão entre a vítima e os colegas moradores de rua. Tudo indica que eles voltaram a se desentender durante a madrugada, quando ocorreu o assassinato.

Últimas notícias