PCDF prende 156 foragidos da Justiça nas primeiras semanas do ano

Somente nesta quarta, sete homens foram detidos em Ceilândia. Entre eles, um condenado por homicídio e outro, por estupro

atualizado 12/02/2020 19:49

Michael Melo/Metrópoles

Uma operação desencadeada pelo Departamento de Atividades Especiais (Depate) da Polícia Civil foi deflagrada nesta quarta-feira (12/02/2020) para cumprir mandados de prisão em nome de criminosos condenados pela Justiça, mas que permaneciam foragidos.

Ao longo do mês de janeiro e início do mês de fevereiro, em função de sucessivas operações realizadas, um total de 156 pessoas com mandados de prisão criminal já foram presas pelas unidades do Depate.

“É um trabalho importante que impacta diretamente na redução dos índices criminais e traz sensação de segurança para os moradores da região. Em todo o ano passado, as divisões do Depate foram responsáveis pelo cumprimento de 1,9 mil mandados de prisão que estavam em aberto”, explicou o delegado André Sala.

Somente nesta quarta, sete homens foram presos em Ceilândia. Entre eles, um condenado por homicídio e outro, por estupro. A ação conjunta teve a participação da Divisão de Operações Especiais (DOE), Divisão de Capturas e Polícia Interestadual (DCPI) e Divisão de Apoio Logístico e Operacional (Dalop).

Após o cumprimento dos mandados de prisão, as equipes da DOE empregadas na operação ainda permaneceram em Ceilândia, realizando abordagens nos locais identificados com alto índice de criminalidade por meio de levantamentos realizados pelo Departamento de Inteligência e Gestão da Informação (DGI).

Últimas notícias