PCDF e MP deflagram megaoperação de combate ao tráfico de drogas

As investigações, que miraram uma quadrilha de venda de entorpecentes, tiveram início na 11ª Delegacia de Polícia (Núcleo Bandeirante)

Andre Borges/Esp. MetrópolesAndre Borges/Esp. Metrópoles

atualizado 17/10/2019 10:06

Cerca de 400 policiais civis e promotores do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) percorrem as ruas do Distrito Federal e Entorno desde as primeiras horas desta quinta-feira (17/10/2019) em uma megaoperação contra o tráfico de drogas. São cumpridos 41 mandados de prisão e 57 de busca e apreensão. A ação foi batizada de Efeito Dominó.

As investigações tiveram início em março de 2019, quando dois homens foram presos e tiveram os celulares apreendidos. A análise dos aparelhos demonstrou uma atividade de comércio de entorpecentes complexa e organizada, com fornecedores, atacadistas e varejistas, uma atuação em rede.

O inquérito foi instaurado na 11ª Delegacia de Polícia (Núcleo Bandeirante), mas as ações acabaram se expandindo para todas as unidades do Departamento de Polícia Circunscricional (DPC), diretoria responsável por coordenar as delegacias que funcionam nas regiões administrativas.

Devido à grande quantidade de presos na ação, que é considerada uma das maiores já feitas pela corporação, os criminosos serão levados para a 38ª Delegacia de Polícia (Vicente Pires).

Aguarde mais informações

Últimas notícias