No Saidão, preso tenta “dar migué” para não voltar à cadeia

Erisvaldo Barbosa da Silva, 30 anos, que estava em regime semiaberto, não queria se reapresentar ao sistema penitenciário do DF

Daniel Ferreira/MetrópolesDaniel Ferreira/Metrópoles

atualizado 12/08/2019 15:00

Agentes penitenciários que trabalham no Complexo Penitenciário da Papuda receberam uma denúncia anônima de que um preso estava no Saidão de Dia dos Pais e foi preso quanto tentava fugir após passar por uma consulta no Hospital Regional da Asa Norte (Hran).

O episódio ocorreu na manhã desta segunda-feira (12/08/2019). Erisvaldo Barbosa da Silva, 30 anos, tentou evadir-se da unidade de saúde após avistar agentes prisionais e policiais militares, mas acabou detido.

Erisvaldo cumpria pena por roubo no Centro de Internação e Reinserção (CIR) da Papuda e estava em regime semiaberto. De acordo com informações apuradas pelo Metrópoles, o interno afirmou que não pretendia mais voltar para a prisão e havia decidido armado a fuga logo após se consultar.

Após ser flagrado, o interno perdeu direito ao benefício e ficará preso temporariamente em regime fechado.