A polícia investiga a morte de marido e mulher, registradas entre a noite de sexta-feira (12/10) e a manhã deste sábado (13), no Recanto das Emas. O crime ocorreu na quadra 604, conjunto 15. A Polícia Civil trata o caso como feminicídio seguido de suicídio. Os corpos estavam com lado a lado, no quarto do casal.

Segundo o delegado de plantão da 27ª Delegacia de Polícia, Sérgio Bautzer, Maria das Graças de Sousa, 46 anos, queria se separar de Leandro Brabosa de Jesus, 61, mas o homem não aceitava o fim do relacionamento. “Ela disse que deixaria a casa neste sábado, mas ele não aceitava, e acabou matando a esposa com pauladas na cabeça e no rosto”, conta o delegado.

O homem avisou a parentes que havia matado a companheira, mas ninguém acionou a polícia. Ele chegou a ir até a casa de duas de suas noras, antes de voltar ao local do crime e se matar com uma faca. Os dois corpos só foram encontrados após um sobrinho de Maria das Graças ir até a residência e visualizar manchas de sangue no chão.

Leandro e o filho, Romário de Sousa Barbosa, foram denunciados por Maria das Graças, em maio de 2013, por lesão corporal, injúria e ameaça. Naquela ocasião, ela sofreu hematomas pelo corpo e um corte na perna direita. Ela não quis ingressar com uma medida protetiva.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram ao local e constataram que a mulher estava morta havia mais de 12 horas e que o homem morrera pouco tempo depois. Vizinhos relataram aos policiais que o casal brigava constantemente.

Santa Maria
Em outro caso de violência praticada por contra uma mulher, um homem foi preso suspeito de colocar fogo no apartamento da companheira. O crime ocorreu na madrugada deste sábado (13/10), na Quadra 301 de Santa Maria. Segundo a vítima, após uma discussão, o marido iniciou o incêndio e saiu. Ele foi detido na mesma quadra.

Quando os policiais chegaram ao local, o incêndio havia sido controlado pelo Corpo de Bombeiros. Algumas pessoas que estavam no apartamento inalaram fumaça e foram levadas ao hospital. De acordo com a esposa do suspeito, ele ateou fogo em sua residência após ameaçá-la de morte. O homem foi encaminhado para a 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria), onde foi registrado o flagrante.