Bandidos explodem caixas eletrônicos em hotel ao lado do Alvorada

Entre os hóspedes do local, está o ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva

Rafaela Felicciano/MetrópolesRafaela Felicciano/Metrópoles

atualizado 28/03/2019 12:19

Quatro bandidos explodiram três caixas eletrônicos no Golden Tulip Brasília Alvorada, localizado no SHTN. O crime ocorreu na madrugada desta quinta-feira (28/3). Os assaltantes estavam fortemente armados e renderam os funcionários do hotel, conhecido por hospedar empresários, artistas e autoridades que visitam a capital do país.

Entre os hóspedes do local, está o ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva. Em viagem oficial aos Estados Unidos, o militar não estava no hotel no momento das explosões.

O Golden Tulip está situado a menos de um quilômetro do Palácio da Alvorada, uma das residências oficiais do presidente da República. Câmeras de segurança registraram a ação. Confira:

 

De acordo com as imagens, enquanto um criminoso armado rendia um dos funcionários, outros dois comparsas forçaram a abertura dos equipamentos com auxílio de uma barra de ferro. Os equipamentos ficam ao lado das escadas que dão acesso ao restaurante do hotel. Só tem acesso ao local quem passa pela guarita.

Os homens colocaram explosivos no local e detonaram os artefatos. Depois, fugiram carregando quantia de dinheiro ainda não informada. Toda ação durou cerca de dois minutos. Um dos carros usados na fuga dos bandidos foi encontrado pela polícia na Asa Norte.

 

O estrondo assustou os moradores. Com base em relatos enviados ao Metrópoles, a fumaça que saiu do subsolo após as explosões invadiu o sistema do ar-condicionado e entrou nos apartamentos.

A administração pediu aos moradores e hóspedes para abrirem as janelas. A Polícia Militar foi acionada e faz varredura no local. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Últimas notícias