A partir desta segunda-feira (11/2), o atendimento aos pacientes que chegarem ao pronto-socorro pediátrico do Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib) será feito na estrutura física onde funciona o Banco de Sangue da unidade. A adaptação, prevista para durar até 20 dias, foi necessária devido às reformas realizadas no local.

De acordo com a diretora de Atenção à Saúde do Hmib, Julister Maia, a mudança é realizada para ajudar os pacientes. “No próximo mês começa a sazonalidade das doenças respiratórias entre as crianças, que vai até a primeira quinzena de junho. Por isso, precisamos estar preparados quando essa época chegar”, informou.

Durante os 20 dias de melhoria da estrutura, o atendimento será feito no local onde hoje fica o Banco de Sangue, que foi readequado para receber a demanda. Caso as crianças precisem ficar em observação, será usado o espaço de enfermaria do hospital, onde estarão os leitos.

Obras
A reforma ocorre no Hmib para que seja trocado o piso das áreas de circulação do hospital. As paredes dos corredores receberão pintura e os bate-maca serão substituídos. Todo o hospital será revitalizado.

“A reforma dará mais salubridade aos pacientes e profissionais que atuam no pronto-socorro da pediatria”, destaca o diretor-geral do Hmib, Rodolfo Paulo.

A obra será custeada com recursos de um convênio firmado em 2008 entre a Secretaria da Saúde e o Ministério da Saúde e só agora, com o SOS DF Saúde, será viabilizada. Mais de 2,7 mil metros quadrados do espaço serão reformados nos próximos três meses. (Com informações da Secretaria de Saúde do DF).