Dois hospitais do DF foram invadidos pela chuva neste sábado (9/2). As unidades do Gama (HRG) e de Planaltina (HRP) sofreram problemas estruturais que afetaram os pacientes. No HRG, três alas de internação foram atingidas. O teto também foi danificado, e quatro pessoas internadas precisaram ser realocadas para outras áreas.

Em Planaltina, o setor atingido foi o de repouso dos médicos e fisioterapeutas. A água parecia uma cachoeira descendo pelos encaixes das lâmpadas. Colhões também foram encharcados.

Por meio de nota, a Secretaria de Saúde do DF lamentou o estado precário dos hospitais. “Por isso, decretamos estado de emergência no dia 7 de janeiro, possibilitando dar prioridade às ações que melhorem a saúde das pessoas”, disse a pasta.

Ainda segundo a Saúde, está em fase de planejamento e levantamento de custo um projeto de obras para reforma estrutural no Hospital Regional do Gama, “que vivia apenas recebendo reparos pontuais”.

Em Planaltina, a secretaria afirma que “esse hospital, assim como os outros, está passando por avaliação técnica para elaboração de projetos estruturais. Nenhum paciente precisou ser removido ou deslocado”.