*
 

Os embates entre religiosos da bancada evangélica da Câmara Legislativa e movimentos gays ganharam novos contornos nesta terça-feira (7/11) com a proposta da criação da “Semana de Difusão da Cultura Heterossexual”.

O Projeto de Lei n° 1.813/2017, de autoria do deputado e pastor Rodrigo Delmasso (Podemos), tem o objetivo de “resguardar direitos e garantias aos heterossexuais”.

Segundo o texto da proposta, “no momento em que [pessoas homoafetivas] discutem preconceito contra homossexuais, acabam criando outro tipo de discriminação, contra os heterossexuais. Além disso, o estímulo da ideologia gay supera todo e qualquer combate ao preconceito”.

Não posso concordar com a apologia ao homossexualismo"
Rodrigo Delmasso, deputado distrital

O parlamentar propõe a terceira semana de junho como data comemorativa.

Veja a íntegra do documento:

Projeto da Semana Heterossexual by Metropoles on Scribd

 

Crítica na CLDF
Assim que foi apresentada, a matéria foi criticada pelo presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa, Ricardo Vale (PT).

“Com todo o respeito ao deputado Delmasso, a justificativa é para que os héteros não sejam discriminados, mas eu nunca vi um caso desses. Isso é mais uma provocação para se contrapor às lutas das minorias do que um projeto sério”, disse o petista.

 

 

COMENTE

gayCâmara Legislativahomossexualismoheterossexualsemana de orgulho gay
comunicar erro à redação