metropoles.com

Renan Rosa: “Rollemberg reproduz política nacional contra trabalhador”

O postulante do PCO é o segundo a responder à série de perguntas do portal e de entidades sindicais

atualizado

Compartilhar notícia

Vinícius Santa Rosa/Metrópoles
renan rosa candidato ao gdf
1 de 1 renan rosa candidato ao gdf - Foto: Vinícius Santa Rosa/Metrópoles

O candidato do PCO ao Palácio do Buriti, Renan Rosa, foi o segundo sabatinado pelo Metrópoles na manhã desta segunda-feira (20/8). O bancário criticou o atual governo: “Rollemberg reproduz no GDF a política nacional contra os trabalhadores”. O postulante ao Executivo local se referiu ao remanejamento de recursos do Instituto de Previdência dos Servidores do DF (Iprev) e à criação do Instituto Hospital de Base (IHB).

O evento tem transmissão ao vivo, em todas as redes sociais do portal: Facebook, Twitter e YouTube. Renan Rosa responde às perguntas de jornalistas e entidades sindicais que representam os servidores públicos, os bancários e a Central Única dos Trabalhadores (CUT) sobre suas propostas de governo.

0

O postulante se mostrou mais familiarizado com os temas nacionais do que com os locais. Admitiu não conhecer em profundidade o Programa Distrital de Educação (PDE), que traçou metas para a universalização da educação pública do DF e estabeleceu melhorias de infraestrutura e salariais aos servidores da área até 2024.

Renan Rosa chegou a ser questionado pelo jornalista Hélio Doyle se ele era realmente candidato ao GDF ou se estaria utilizando a campanha para fazer propaganda partidária. Ao responder, o postulante disse que sua legenda não tem tempo de TV e precisa de espaço para divulgar as ideias e defender os sindicatos que representa: “É bem difícil chegar ao Buriti pela via eleitoral com esses grupos dominando o Estado e as demais candidaturas”. A sigla tem 300 filiados no Distrito Federal.

Lula
“Defendemos o governo dos trabalhadores, defendemos o Lula. O Lula é a expressão do trabalhador brasileiro”, afirmou. Para Renan Rosa, a luta dos trabalhadores passa, necessariamente, por um governo do Lula. Porém, ele disse que o seu partido não vai apoiar uma eventual candidatura do petista Fernando Haddad, vice na chapa do PT.

O candidato defendeu a estatização dos serviços públicos, citando como exemplos as escolas e o Instituto Hospital de Base. “Quem pode atender as necessidades fundamentais da população é o Estado comandado pelos trabalhadores”, defendeu Renan Rosa, ao clamar a mobilização popular.

Renan Rosa é bancário, economista e já participou da disputa anteriormente, em 1998. Ele tem 53 anos, é também fundador do PCO e diretor do Sindicato dos Bancários de Brasília. Nesta segunda-feira (20), serão sabatinados ainda outros quatro candidatos. Na terça (21), outros cinco terão a oportunidade de explicar suas propostas para o Distrito Federal.

A sabatina
Antes de Renan Rosa, foi a vez de Alberto Fraga (DEM). Depois, será entrevistado Júlio Miragaya (PT). Em seguida, Ibaneis Rocha (MDB), Alexandre Guerra (Novo) e Fátima Sousa (PSol).

Na terça-feira (21), Eliana Pedrosa (Pros) abre as entrevistas, às 9h. O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) vem em seguida, às 10h30. O Metrópoles ainda receberá Antônio Guillen (PSTU), Paulo Chagas (PRP) e Rogério Rosso (PSD).

Dinâmica
A dinâmica da sabatina funcionará da seguinte forma: primeiro, o candidato fará uso da palavra por um minuto para se apresentar. Em seguida, responderá às perguntas elaboradas pelas entidades sindicais patrocinadoras do evento – os questionamentos foram previamente gravados e serão exibidos em um telão.

Por fim, os jornalistas indagarão os postulantes ao Buriti. No total, a conversa terá duração de 1 hora e 15 minutos.

Cronograma das sabatinas 

20/8 – segunda-feira
10h30 – Renan Arruda (PCO)
14h – Júlio Miragaya (PT)
15h30 – Ibaneis Rocha (MDB)
19h – Alexandre Guerra (Novo)
20h30 – Fátima Sousa (PSol)

21/8 – terça-feira
9h – Eliana Pedrosa (Pros)
10h30 – Rodrigo Rollemberg (PSB)
14h – Antônio Guillen (PSTU)
15h30 – Paulo Chagas (PRP)
19h – Rogério Rosso (PSD)

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comDistrito Federal

Você quer ficar por dentro das notícias do Distrito Federal e receber notificações em tempo real?

Notificações