*
 

O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) decidiu vetar integralmente o projeto de lei do deputado distrital Chico Vigilante (PT) que estipula a eleição direta de administradores regionais. A proposição foi aprovada em 6 de dezembro do ano passado, em segundo turno, pela Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). A decisão será publicada em edição extra do Diário Oficial do DF.

O chefe do Executivo local vai recorrer ao argumento de “vício de iniciativa” para justificar o veto, já que, no entendimento do Palácio do Buriti, a origem do texto deve ser exclusiva do governador do Distrito Federal. Portanto, alega a atual gestão, o texto de Vigilante seria inconstitucional.

Além da justificativa oficial, há ainda a razão política. A proposta foi uma das promessas de campanha do socialista nas últimas eleições. Por isso, o próprio Rollemberg tem apressado a equipe liderada pela Casa Civil para que o texto de autoria do governo local seja protocolado até a próxima semana, na Câmara Legislativa.

 

 

COMENTE

Rodrigo Rollembergeleição na Câmara Legislativaeleição administradores
comunicar erro à redação

Leia mais: Política