*
 

Com as urnas fechadas neste domingo (7/10), pela primeira vez desde que foi criada, a Câmara Legislativa terá entre os 24 parlamentares um deputado distrital assumidamente gay. Presidente regional do PSol, Fábio Felix defende uma escola onde os alunos aprendam a tolerância e o respeito à diversidade, mas, de acordo com ele, sem a chamada ideologia de gênero como pano de fundo.

“É uma vitória muito importante para nós. Sou o primeiro deputado distrital eleito pelo PSol e o primeiro deputado da Câmara Legislativa assumidamente LGBTI. Estou muito animado para trabalhar. A nossa atuação será pela igualdade e contra o fundamentalismo, em uma cidade que respeite as diferenças”, declarou o parlamentar eleito.

Há pouco menos de um ano, Fábio Felix foi o primeiro gay a assumir a presidência de um partido no Distrito Federal, com mais de 900 votos.

Fábio Felix afirma que uma das suas primeiras bandeiras será a “criação de uma escola colorida”, mas sem relação com a chamada ideologia de gênero. “Queremos uma escola com todas as cores, que debata a tolerância e o respeito a todos.”