*
 

O governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) retorna de São Paulo na segunda-feira (5/11) com pelo menos duas missões para o dia: encontrar o senador Cristovam Buarque (PPS) e se reunir com a equipe de transição para dar continuidade ao trabalho que foi realizado durante sua ausência.

Cristovam apresentará a Ibaneis o projeto que chama de Escola Ideal. A proposta é que algumas cidades do DF tenham escolas integrais, com edificações novas e equipamentos modernos. As instituições serviriam de modelo para ampliação posterior do sistema.

Apesar dos rumores de que Cristovam Buarque poderia assumir a Secretaria de Educação do DF, tanto ele quanto Ibaneis negaram. “Não vou para a secretaria, tenho outros planos. Vou estudar. Me encontro com o governador eleito para dar sequência a uma conversa que tivemos quando o apoiei no segundo turno das eleições”, disse o senador, que disputou a reeleição em outubro, mas foi derrotado.

Segundo Cristovam, ele elaborou o documento com a proposta que pode ser expandida para todo o país. “Tenho um plano para o Brasil. Se serve para o Brasil, com certeza será bom para Brasilia”, disse.

Ainda em São Paulo, onde passou por check-up médico, Ibaneis afirmou que ligará para o senador neste domingo (4) para definir o horário da reunião. “Nos comprometemos, sim. Domingo acerto tudo com ele. Chego a Brasília na segunda-feira de manhã”, disse. A previsão inicial é que os dois se encontrem às 16h.

Transição
O governador eleito também se reunirá com a comissão de transição, que organiza informações e estuda nomes para assumir a estrutura administrativa do governo. O grupo se encontra neste domingo (4), às 10h, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), em Brasília.

Na segunda (5), os coordenadores devem se encontrar com Ibaneis e, na terça (6), começam a anunciar nomes da transição, após reunião no Palácio do Buriti e com um conselho de especialistas que Ibaneis mantém para discutir ideias.

Em São Paulo
Nesse sábado (3), o futuro chefe do Executivo local almoçou com o governador eleito do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), a fim de debater melhorias para as duas unidades da Federação. O encontro ocorreu em São Paulo, onde o emedebista está desde quarta-feira (31/10).

Segundo Ibaneis, a capital federal vai precisar do apoio de parlamentares fluminenses para a aprovação de projetos de interesse dos brasilienses no Congresso Nacional. “Conversamos sobre o desenvolvimento econômico. Precisamos unir forçar para melhorar as nossas cidades e tenho certeza que posso contar com eles”, comentou Ibaneis Rocha.